Selecione a página

Pedreiro baleado por cunhado no Romilda Barbieri morre na Santa Casa

Vítima estava internada há um mês com um projétil alojado nas costas Da redação O pedreiro Diego da Silva Bernal, de 30 anos, morreu nessa segunda-feira (30), na Santa Casa. Ele estava internado desde o último dia 30 de setembro, quando foi baleado no peito por um adolescente de 16 anos, em uma casa localizada […]

Vítima estava internada há um mês com um projétil alojado nas costas

Da redação

Momento em que Diego dava entrada na Santa Casa - Foto: O Imparcial O pedreiro Diego da Silva Bernal, de 30 anos, morreu nessa segunda-feira (30), na Santa Casa. Ele estava internado desde o último dia 30 de setembro, quando foi baleado no peito por um adolescente de 16 anos, em uma casa localizada no bairro Romilda Barbieri.

Segundo o apurado, Diego foi alvejado com um tiro de revólver calibre 32, no peito, e o projétil depois de atravessar seu corpo, acabou ficando alojado nas suas costas. Depois de um mês de internação, o pedreiro não resistiu e faleceu.

No dia do crime, Diego deu entrada no hospital consciente e foi encaminhado para o setor de cirurgias. Ele foi baleado por um cunhado de apenas 16 anos, que não teria gostado de uma discussão que a vítima teve com a sogra.

O adolescente teria tentado atirar no pedreiro duas vezes antes de conseguir o intento no momento em que Diego foi até a calçada colocar o lixo se sua casa para fora.

A Polícia Civil investiga o caso, mas não há informações sobre o paradeiro do autor.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade