Select Page

Operação especial apreende pipas e linhas com cerol



Juliana Damus salienta importância da medida

Operação especial apreende pipas e linhas com cerol

Como resultado da reunião liderada pela vereadora Juliana Damus (Progressistas), na última terça-feira (17), uma grande operação de combate ao uso de cerol em Araraquara foi realizada no domingo (22), segunda (23) e terça-feira (24).

Juliana Damus, o delegado Antônio Carlos da Silva, o conselheiro tutelar Moacyr Ellero, o tenente da PM Gardim, a pedagoga do Núcleo de Projetos da Secretaria de Segurança Roberta Minotti e a coordenadora da Guarda Civil Municipal, Juliana Zaccaro, definiram o planejamento da ação com a expectativa de coibir a prática de soltar pipas com linhas cortantes.

O que deveria ser apenas uma brincadeira de criança passou a ser uma ação criminosa que coloca vidas em risco e é, segundo a coordenadora da Guarda Civil Municipal, Juliana Zaccaro, “praticada, na maioria dos casos, por adultos”.

O sistema de saúde, em especial as UPAs, vem registrando várias ocorrências de pessoas com ferimentos sérios provocados por linhas com cerol ou linhas chilenas, também proibidas. Até os garotos que manuseiam o produto se ferem.

Em um esforço conjunto da Guarda Municipal, Polícia Militar e Conselho Tutelar, a ação foi deflagrada nas regiões do Jardim das Laranjeiras, Jardim Universal, Vale do Sol, Jardim Acapulco, Águas do Paiol, Cruzeiro do Sul e Valle Verde, locais onde há maior incidência de casos de uso de cerol. Nos três dias, 52 pessoas foram abordadas, 11 delas com cerol. Também foram apreendidas pipas e carretéis com material cortante.

“Essas ações serão repetidas em outros locais da cidade, principalmente nesse período de férias. Decidimos, juntos, manter a operação em sigilo para que atingisse o objetivo”, afirmou Juliana, lembrando que “empinar pipa é uma diversão saudável, porém, precisamos conscientizar adultos e adolescentes sobre os perigos do cerol”.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos