Selecione a página

Guarda municipal envolvido em agressão na UPA é afastado das ruas

Imagens veiculadas nas redes sociais causaram revolta na população

Da redação
A Guarda Civil Municipal afastou do trabalho nas ruas o guarda que foi filmado desferindo golpes de cassetete em um rapaz que fazia algazarra na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Central, na madrugada do último sábado (6). Ele vai prestar trabalho interno até o final do processo administrativo disciplinar que foi aberto para apurar o caso.
Tanto o corregedor da Guarda Municipal, Tenente Santana, como o prefeito Marcelo Barbieri, condenaram as atitudes do guarda e concordam que não havia a necessidade do uso da tonfa (tipo de cassetete) para conter o rapaz. O prefeito Marcelo pediu a abertura do processo administrativo e pediu o imediato afastamento do guarda das ruas.
Segundo Santana, a coordenadoria da GCM tomou conhecimento da ocorrência pelas redes sociais e, pelas imagens, não conseguiu ver em nenhum momento a necessidade do uso da tonfa. Todos os guardas que aparecem nas imagens foram ouvidos e um relatório foi encaminhado ontem (9) para a Secretaria de Segurança e para o departamento jurídico da Prefeitura.
Depois de analisado o relatório, uma comissão será formada pelo jurídico da prefeitura para determinar qual será a punição ao acusado das agressões. Isso deve ocorrer em alguns dias e vai variar de uma simples advertência ou suspensão, podendo chegar até a demissão do serviço público.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade