Select Page

Funcionários da Fundação Casa de SP entram em greve



Categoria pode aderir à greve no próximo dia 10 em todas as unidades do estado

Da redação

Aproximadamente mil trabalhadores da Fundação Casa em São Paulo decidiram nesse sábado (29), em assembleia, que toda a categoria vai entrar em greve a partir do próximo dia 10 de abril em todas as unidades do Estado. A decisão se deve à proposta de 3,97% de reajuste salarial proposta pelo governo do Estado.

“Esse valor não cobre nem a inflação do ano passado”, reclama o diretor do Sindicato da categoria, João Faustino. “Nossas perdas já se acumulam há seis anos.”

Os funcionários da antiga Febem pedem reajuste de 53,63% acima da inflação, além de reposição de perdas, isonomia do Plano de Cargos e Salários e maior segurança no local de trabalho. “O governo acredita que a gente só quer reajuste de salário, mas a segurança nas unidades da Fundação é precária”, argumenta Faustino.

De acordo com o sindicalista, a categoria já está em estado de greve, mas só vai cruzar os braços de fato a partir do dia 10 porque é preciso “cumprir os trâmites legais”. “Precisamos comunicar o DRT [Delegacia Regional do Trabalho] e o Tribunal Regional do Trabalho, além de orientar os trabalhadores de todas as unidades.”

Ao todo, 12 mil pessoas trabalham na Fundação e podem aderir à greve. Além de correr o interior, os funcionários decidiram na assembleia organizar uma passeata amanhã (2) com saída no Masp com direção ao Tribunal. “Agora a gente precisa quadruplicar as adesões”, conclui Faustino.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Publicidade

Arquivos