Selecione a página

Duas mulheres são flagradas tentando entrar com drogas em presídios da região

A droga estava escondida no ânus da visitanteA Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) registrou, no último final de semana, duas visitantes tentando entrar em unidades prisionais da região com drogas escondidas no corpo. Em ambos os casos, o aparelho de scanner corporal identificou objetos desconhecidos escondidos no corpo das mulheres.

O primeiro flagrante ocorreu no sábado (6), por volta de 10h, na Penitenciária “Luiz Gonzaga Vieira”, a PII de Pirajuí. Ao ser surpreendida com o objeto desconhecido, a mulher foi questionada por funcionárias e acabou revelando que escondia entorpecente na vagina. A visitante retirou voluntariamente um pacote emborrachado contendo aproximadamente 84 gramas de maconha.

O segundo caso ocorreu na manhã de domingo (7), na Penitenciária I de Serra Azul. A esposa de um sentenciado foi barrada na portaria do presídio, pois o equipamento de scanner indicou um objeto escondido no corpo dela. Ela foi encaminhada à unidade de saúde do município de Serra Azul para ser submetida a exames que comprovaram um objeto desconhecido no corpo. A mulher acabou retirando de forma voluntária um invólucro emborrachado contendo 77 gramas de maconha escondido no ânus.

A Polícia Militar foi acionada para lavrar boletim de ocorrência nos dois casos. Também foi instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade dos presos que receberiam os entorpecentes.

A SAP informa que pessoas flagradas tentando adentrar com objetos ilícitos em unidades prisionais são automaticamente suspensas do Rol de visitas.

Últimos Vídeos

Carregando...

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade