Select Page

Acusados da morte do sargento Arruda são presos



Da redação Os dois acusados de matar o sargento da Polícia Militar Paulo Sergio Arruda, foram presos nessa sexta-feira (16) pela equipe do delegado de Matão, Dr. Marlos Marcuzzo, responsável pelo caso. Edson Ricardo da Silva, vulgo Banana, de 32 anos, e Luís Carlos Venção, de 28 anos, foram presos momentos antes de darem entrevista […]

Policiais de Matão cumpriram os mandados de prisão antes que a dupla pudesse dar entrevista na OAB de Sertãozinho

Da redação

O sargento PM Arruda foi morto com dois tiros em 19 de fevereiroOs dois acusados de matar o sargento da Polícia Militar Paulo Sergio Arruda, foram presos nessa sexta-feira (16) pela equipe do delegado de Matão, Dr. Marlos Marcuzzo, responsável pelo caso. Edson Ricardo da Silva, vulgo Banana, de 32 anos, e Luís Carlos Venção, de 28 anos, foram presos momentos antes de darem entrevista na OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de Sertãozinho.

Segundo o apurado, a defesa dos acusados teria um acordo com a Polícia de entrega-los depois que eles fossem entrevistados na sede da OAB, porém, os policiais de Matão chegaram e cumpriram os mandados de prisão. Depois de uma discussão entre os policiais e o advogado da dupla, os dois foram detidos e encaminhados para a Delegacia de Investigações Gerais (DIG) da cidade, onde foram ouvidos. Não foi informado para qual unidade prisional os acusados seriam encaminhados.

Policiais atiraram

Na versão dos acusados, no momento em que eles entraram na casa do padre Maurício, o sargento Arruda teria saído do escuro usando um capuz e os outros policiais teriam se confundido e atirado nele, pensando que fosse um marginal. O advogado ainda alega que a reconstituição do crime feita pela polícia nessa semana possui várias falhas e pede que outra seja realizada com a presença de todos os envolvidos.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos