Selecione a página

Ozonioterapia volta a ser tema de debate em Araraquara

Palestra ministrada no Centro de Especialidades Odontológicas destaca importância dessa nova prática integrativa do SUS

Ozonioterapia volta a ser tema de debate em Araraquara

A especialista em dentística e endodontia e membro da ABOZ (Associação Brasileira de Ozonioterapia), Dra. Magda Siqueira, e a coordenadora do Centro de Especialidades Odontológicas de São Carlos, Dra. Daniela Gonçalves, ministraram palestra na última quarta-feira (31), em Araraquara, sobre ozonioterapia.

Trata-se de uma nova prática integrativa do SUS (Sistema Único de Saúde) que no tratamento de várias doenças utiliza a aplicação de oxigênio e ozônio por diversas vias de administração, como endovenosa, retal, intra-articular, intramuscular e intravesical, entre outros.

A palestra foi ministrada no CEO (Centro de Especialidades Odontológicas de Araraquara), na Vila Xavier, com a presença de dentistas da rede pública municipal de Saúde de Araraquara. Na oportunidade, a Dra. Magda Siqueira destacou a importância dessa prática e os benefícios que ela proporciona aos pacientes.

Vale destacar que em Araraquara a ozonioterapia está sendo implantada por uma equipe multidisciplinar, através do Núcleo de Gestão Assistencial – NGA3.

De acordo com a gerente da área odontológica da Secretaria Municipal de Saúde, Dra. Silvia Sano, a expectativa é positiva pela instalação neste setor, após a capacitação de profissionais e aquisição dos equipamentos necessários.

Para o coordenador de Atenção Especializada da Secretaria Municipal de Saúde, Edison Rodrigues Filho, que também participou da palestra no CEO, a ozonioterapia é uma prática nova que precisa ser apresentada aos profissionais de saúde e à população.

Primeiro debate
Ainda vale destacar que em abril deste ano a nova prática também foi debatida em Araraquara, durante palestra ministrada na Casa do Médico pela presidente do Colégio Médico Brasileiro de Ozonioterapia (CMBO) e fundadora da Associação Brasileira de Ozonioterapia (ABOZ), Dra. Wendy Falzoni.

Esse evento foi promovido pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, com a presença da secretária da Pasta, Eliana Honain, em parceria com o Ministério Público, que teve como representante o promotor de Justiça Raul de Mello Franco Junior.

Na prática
A ozonioterapia pode se tornar grande aliada no tratamento de diversas doenças, incluindo problemas circulatórios; tratamento e prevenção de doenças causadas por vírus, tais como hepatites, herpes simples e herpes zoster; tratamento de quaisquer feridas infectadas, inflamações, de difícil cicatrização, como pé diabético; colites e outras inflamações intestinais crônicas; protrusão discal e dores lombares.

Além disso, facilita a cicatrização de queimaduras; reduz as dores articulares decorrentes de doenças inflamatórias crônicas; promove a imunoativação geral (ativação do sistema imunológico) e contribui como terapia complementar para vários tipos de câncer.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade