Selecione a página

Morre o pai da pílula do câncer

Morre o pai da pílula do câncer

Morreu, nessa sexta-feira (19), o professor doutor Gilberto Orivaldo Chierice. Ele ficou conhecido nacionalmente pela pesquisa realizada com a Fosfoetalonamina, batizada pela imprensa como a pílula do câncer. O professor tinha 76 anos, estava internado em São José do Rio Preto há algum tempo, depois de sofrer um infarto em uma localidade próxima e foi atendido naquela cidade, mas infelizmente veio a óbito nessa sexta. Dr. Gilberto possuía graduação em Bacharelado e Licenciatura em Química pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Araraquara (1969), mestrado em Química (Físico-Química) pela Universidade de São Paulo (1973) e doutorado em Química (Química Analítica) [SP-Capital] pela Universidade de São Paulo (1979); foi professor titular-ms-6-RDIDP da Universidade de São Paulo e tinha experiência na área de Química, com ênfase em Equilíbrio Químico, atuando principalmente nos seguintes temas: resina de mamona, óleo essencial, óleo essencial, thermal decomposition e resinas poliuretanas.

Velório

O corpo do docente aposentado do IQSC será velado no Velório Municipal de São Carlos. O sepultamento está marcado para as 9h45 deste sábado (20), no Cemitério Nossa Senhora do Carmo.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade