Select Page

Advertisement

João Mendes, uma vida entre versos



João Mendes S., 1932. “O grilo Pulou no muro Pra o outro grilo dormir O jovem João Mendes ao participar de uma exposição dão quis saber a sua origem. A resposta veio no improviso: Nem sou dado às entrevistas. Fui criado entre os paulistas. E outros, que sou contista; Sobre um mar (sem terra à […]

Publicidade

Advertisement

João Mendes Silva no alto de seus 84 anos tem várias poesias e poemas escritos, mas nunca os publicou. Seu desejo era ver publicados alguns versos de sua autoria nas primeiras edições de 2017.Vale ressaltar que ele é pai da pianista Suzi Mendes, para quem a música diz coisas que as palavras não conseguem dizer.

João Mendes S., 1932.

Com 6 anos de idade, escutou um grilo que estava dentro de um matagal e gritou para sua mãe, dona Francisca, que cuidava das suas peraltices… O menino apontou para o matagal e falou em voz alta:

“O grilo

No escuro

Pulou no muro

E fez cri-cri

Pra o outro grilo dormir

Dentro do mato”.

O jovem João

O jovem João Mendes ao participar de uma exposição

de poesias na Praça da República, em São Paulo, um cida-

dão quis saber a sua origem. A resposta veio no improviso:

“Não busco publicidade

Nem sou dado às entrevistas.

Baiano de Itaberaba,

Fui criado entre os paulistas.

Uns acham que sou poeta,

E outros, que sou contista;

Os dois comandam meu barco

Sobre um mar (sem terra à vista!…)

Há perigos de um naufrágio,

Mas Deus ilumina a pista…”

3 estrofes de: “Poema discurso à juventude e poetas brasileiros” (do livro inédito: “Cantigas do Meu Dizer” Poesia e Prosa)

Autor: João Mendes Silva

“Salve Pátria Brasileira

Com a colorida bandeira

Acenando d’amplidão!

Queira Deus que as quatro cores

Não desbotem com os horrores

Deste mar de corrupção!…

…………………………………….

E onde estás, ó juventude

Que ao refletir não se ilude

E não se deixa iludir!

A pátria está presa em malhas

Urdidas pelos canalhas

Inimigos do porvir!…

……………………………

Salve pátria brasileira

Com a colorida bandeira

Acenando d’amplidão!…

Onde estão os teus poetas

Que são a Bíblia e os profetas,

O verbo, a luz e a razão?!…

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

  • Prestações

Arquivos