Selecione a página

Recordar é viver

MÁRIO JOSÉ MARCHI VISSALI PINTO

Complexo Aquático da Arena da fonte, que no próximo dia 6 de agosto sediará mais uma etapa do Circuito Paulista Master do Interior,  que leva o nome de TROFÉU ODETTE RAMOS HADDADUm filme passou em minha cabeça nesta semana ao realizar uma pesquisa em meu caderno de resultados da categoria master. No ano de 1991, dava minhas braçadas no Clube Araraquarense e muitos adultos praticavam a natação como um hobby. Fomos nos aproximando, alguns dias da semana nadando no mesmo horário, até que resolvemos criar uma equipe competitiva, o Master Araraquara.

Foram nove anos de uma convivência maravilhosa, muitas amizades e acima de tudo muito aprendizado. Inicialmente fazíamos nossos treinos no Clube Araraquarense, mais depois estruturamos um trabalho master no SESI, e é justamente deste período que guardo as mais importantes e lindas recordações. Nossos encontros diários nos treinamentos e principalmente nossas viagens dariam um excelente livro de história.

Peço licença aos mais de cem nadadores que participaram deste grupo, para escrever sobre uma figura que representa a essência do que foi este trabalho: D. Odette Ramos Haddad.

Outro dia, conversando com amigos, ouvi o termo unanimidade, definido para aquelas figuras que todos adoram, pois bem, D. Odette é esta figura. Em quase uma década de convívio diário, nunca presenciei uma bronca vinda de seus lábios, uma expressão de tristeza ou de desânimo no seu rosto, uma atitude inadequada ou qualquer outra situação de destempero. Ao contrário, sua simpatia, sua simplicidade e maneira fácil de encarar as situações mais complicadas, fez de D. Odette um símbolo para nós. Talvez esteja aí uma de suas grandes virtudes: a eficiência e a sabedoria para conduzir os problemas e as situações de conflito.

Aprendi muito com a D. Odette. Uma das passagens mais marcantes de que me lembro, foi quando ela me chamou de lado e disse… “Não tenho como lhe pagar o bem que está me fazendo, mas tem uma coisa que eu posso fazer por você. Você quer aprender a jogar tênis? Olhei inicialmente meio desinteressado pela proposta, mas nos sábados que se seguiram estava eu lá com a raquete que ela me emprestou tentando acertar a bolinha. Daí nos aventuramos a jogar dupla, ela, o Chafick, eu e o Osvaldo, até que aconteciam umas disputas interessantes; em meio a tantos erros que eu cometia, ela falava… “Você está indo bem, tem facilidade, aprende fácil”. No fundo, eu jogava era muito mal e comprometia quase sempre as lindas jogadas que ela ou o Chafick faziam, mas sabe, jogar bem ou mal era o que menos importava. Cada dia mais, aquela mulher de baixa estatura, mas de coração gigante, me ensinava mais.

Fomos a dezenas de campeonatos e para quem praticava a natação pela saúde, D. Odette não foi nada mal nos seus resultados; tenho registrado mais de vinte participações em competições de piscina. Foram cinco Campeonatos Brasileiros (Rio de Janeiro 1992, Salvador 1993, Joinville 1994, Ribeirão Preto 1994, Rio de Janeiro 1996), sete participações no Circuito Open (São Paulo 1992, Ribeirão Preto 1993, Araraquara 1994, São Paulo 1994, Rio Claro 1995, Maceió 1995, Marília 1996), uma Copa do Brasil (São Lourenço 1994), Campeonato Paranaense Aberto (Curitiba 1995), uma Copa São Paulo (São Paulo 1995), dois Campeonatos Paulistas (São Paulo 1995 e Araraquara 1997), um Torneio Paulista (Araraquara 1996) e um Torneio Brasil (Ribeirão Preto 1996). Em medalhas, foram sessenta e três: dezessete de ouro, trinta e três de prata e treze de bronze. Esta estatística porém não está completa, faltam ainda registros de outras competições e as suas conquistas na represa do Clube Náutico, onde nadou de maneira tão tranqüila que fez muitos acreditarem ser fácil cumprir tal percurso.

Pois bem, neste dia 6 de agosto, na piscina semi-olímpica do Complexo Aquático da Fonte, a Associação Paulista Master de Natação realizará mais uma etapa do Circuito Paulista Master do Interior, denominado TROFÉU ODETTE RAMOS HADDAD, uma singela homenagem àquela que sempre será em nossos corações uma pessoa mais do que especial. A competição que conta com a colaboração da Secretaria Municipal de Esportes acontecerá no período da tarde com a participação das principais equipes masters do interior e o Master Araraquara estará novamente defendendo as cores de nossa cidade.

Obrigado D. Odette.

Mário JoséMarchiVissali Pintoé psicólogo, treinador esportivo e docente do curso de Educação Física da UNIP – Araraquara

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade