Select Page

Orselli quebra recorde em Minas Gerais



O nadador araraquarense Antônio Carlos Orselli voltou a se destacar no último final de semana e conquistou mais um recorde sul-americano em sua carreira. O feito foi alcançado no Campeonato Brasileiro de Outono, que foi realizado no Praia Clube de Uberlândia (MG). Orselli, de 74 anos, integrou o quarteto formado ainda por Guilherme da Silva (88 anos), Vera Simões (75) e Maria de Lourdes Sampaio (87), grupo que quebrou o recorde sul-americano da prova de revezamento 4×100 livre misto, categoria 320/359 anos.
A antiga marca, que vigorava desde 2013, pertencia a uma equipe do Icaraí, de Niterói, era de 8.36.11, e foi suplantada com o tempo de 7.30.69, mais de um minuto de diferença. O novo tempo é o terceiro melhor do mundo na categoria.
O araraquarense ainda voltou com mais três medalhas douradas na bagagem, já que faturou o primeiro lugar nas três provas individuais que participou: os 50, 100 e 200 metros peito, todas com tempos satisfatórios, sendo que em duas delas obteve marcas suficientes para que seu nome volte a entrar na lista do Top Ten da Fina de 2016.
Orselli tem muito o que comemorar em 2016. Além dos bons resultados conquistados dentro das pisci nas, recentemente ele conquistou sua medalha de número mil. O ano também marcou a passagem da Tocha Olímpica por Araraquara, onde o nadador foi um dos condutores, em um momento que levará para sempre na memória.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Publicidade

Arquivos