Select Page

Noeme Pereira disputa maratona no Canadá, neste domingo



Atleta da Fundesport defenderá o nome de Araraquara correndo pelas ruas da cidade de Ottawa, a capital canadense

Noeme Pereira disputa maratona no Canadá, neste domingo

A fundista da Fundesport Noeme Pereira, de 41 anos, disputará a Marathon Ottawa no Canadá, neste domingo (27), com largada às 7h, horário local. A previsão da temperatura no início da prova é de 7º C.

 A prova em ruas planas da capital canadense é considerada a mais rápida maratona e possui selo ouro do maior órgão regulamentador do atletismo mundial, a International Association of Athletics Federations (IAAF, a sigla em Inglês).

O embarque rumo ao Canadá será nesta quinta-feira (24), às 20h, no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos (SP). Noeme estará acompanhada do atleta César Augusto Martins, 44, que também disputará a maratona.

Ambos os atletas venceram a Prova de Fogo K42, em 2017, dentro da Maratona de Curitiba, promovida pela fabricante de tênis Saucony em parceria com a Revista Runner’s Sports, empresas responsavéis pelas  despesas de viagem, hospedagem e alimentação dos vencedores.

Noeme está motivada para o batismo internacional – a primeira prova que disputará fora do Brasil – e em levar o nome de Araraquara pelas ruas e avenidas de Ottawa.

“Sem dúvida, é o maior desafio da minha carreira. Treinei forte no frio e na chuva. Pretendo melhorar minha marca na distância. Correndo em 2 horas e 50 minutos ficarei entre as melhores no Ranking Brasileiro de maratona”, projeta.

Trajetória

Detentora de nove vitórias na tradicional corrida de Santo Onofre de Araraquara, em percurso de 7 quilômetros, e várias vezes campeã nos Jogos Regionais, nas provas de 1500m, 5000m e 10000m, a fundista Noeme começou a se dedicar às maratonas em 2015.

Recentemente, Noeme conquistou duas vezes a terceira colocação na City Marathon, em São Paulo, em 2016 e 2017, com os tempos de 2h58’30 e 2h57’30, respectivamente.

Moradora no Jardim Igaçaba, na região noroeste de Araraquara, a educadora física atua no atletismo há 18 anos.

“Minha vocação é trabalhar na formação de jovens valores. Acredito que esta é minha maior contribuição ao atletismo e ao mesmo tempo retribuir as oportunidades que ele vem me proporcionando”, conclui a campeã.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos