Selecione a página

Ferroviária estreia na Libertadores Feminina

EscalaçãoPara o duelo de hoje no Uruguai, a Ferroviária deve ser escalada com Luciana no gol, Júlia e Rilany nas laterais, com a defesa formada por Luana e Flávia. O meio de campo será composto por Nicoly, Beatriz, Juliana e Daiane, com o ataque formado por Paty e Raquel.

A Ferroviária/Fundesport estreia hoje na Copa Libertadores da América de Futebol Feminino, competição que conta com a participação de todos os campeões nacionais da América do Sul e que será realizada até o dia 20 no Uruguai. O time araraquarense, que na primeira fase disputará todos os seus jogos na cidade de Colônia, fará sua estreia às 21h30, contra o Colo Colo do Chile. Na primeira fase, a equipe enfrentará ainda o Estudiantes de Guarico da Venezuela (no dia 11) e o Unión Espanõla do Equador (dia 14).
As Guerreiras Grenás disputam a competição credenciadas pelo título da Libertadores conquistado no ano passado na Colômbia, onde sagraram-se campeãs com uma campanha invicta. Na ocasião, mesmo com a equipe praticamente desmanchada pela perda de atletas para a Seleção Brasileira Permanente e também para equipes do exterior, a Ferroviária/Fundesport do técnico Leonardo Mendes eliminou equipes consideradas favoritas como o brasileiro São José e o Colo Colo, que no ano passado foi o finalista e neste ano já será o primeiro adversário das meninas de Araraquara.
Dessa vez, assim como ocorreu no ano passado, o time grená passa por uma reformulação. A mudança começa pelo comando técnico, já que o treinador João Batista, que vinha comandando a preparação, deixou o plantel para comandar o time masculino do Rio Branco de Americana na Série A3 do Campeonato Paulista. Assim, a diretoria agiu rápido e trouxe a técnica Michele Kanitz, que após muitos estudos e trabalhos como auxiliar técnica, terá seu primeiro desafio à frente de uma equipe.
O elenco também passa por mudanças, mas diferente do que ocorreu no ano passado, vai para a disputa com mais reforços do que baixas. Se por um lado perdeu a atacante Tábatha, um dos maiores destaques da equipe no título de 2015, que sofreu uma lesão na coxa na última quinta-feira, por outro lado trouxe reforços de peso como a goleira Luciana, as laterais Daiane e Rilany, a volante Beatriz e a meia-atacante Raquel, todas com passagens recentes pela Seleção Brasileira. Quem também retorna é a atacante Paula, que se recuperou de uma lesão que a impossibilitou de atuar em 2016. O time conta ainda com três atletas integrantes da Seleção Brasileira Sub-20: a zagueira Luana e as volantes Julia e Nicoly.
Vale salientar que na primeira fase da Libertadores Feminina 2016 avançarão para a semifinal o primeiro colocado de cada grupo e o segundo colocado que obter a melhor pontuação. As semifinais serão disputadas no dia 17, com a final prevista para o dia 20.

Escalação
Para o duelo de hoje no Uruguai, a Ferroviária deve ser escalada com Luciana no gol, Júlia e Rilany nas laterais, com a defesa formada por Luana e Flávia. O meio de campo será composto por Nicoly, Beatriz, Juliana e Daiane, com o ataque formado por Paty e Raquel.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade