Select Page

Ferroviária encara o Guarani hoje em Bragança Paulista

A oitava rodada da Série A-2 do Campeonato Paulista colocará duas das mais tradicionais equipes do certame frente a frente hoje. O Guarani recebe a Ferroviária às 20h30, no Estadio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, já que o Brinco de Ouro passa por reformas para abrigar a seleção da Nigéria na Copa do Mundo.
Considerando-se as 20 equipes da Série A-2 em 2014, Ferroviária e Guarani são as agremiações que por mais tempo disputaram a elite do futebol paulista. A Locomotiva, que brilhou no Paulistão por mais de 40 anos consecutivos – não disputa desde 1996, vai a Bragança com apenas um objetivo na bagagem: vencer o jogo. Isso porque nas duas últimas rodadas foram uma derrota e um empate, resultados que derrubaram a equipe da quarta para a nona posição.
Já o Bugre, campeão Brasileiro em 1978 e que disputou o primeira divisão paulista por 52 anos consecutivos, vem de um empate e uma vitória, saindo das últimas colocações para o sexto lugar, com 11 pontos, uma a mais que a Ferroviária, que é a nona colocada.
“Observando a tabela e os próximos jogos, sabemos que esse duelo com o Guarani é de fundamental importância para nosso futuro no campeonato. É um adversário direto, que está à frente, e que se vencermos ultrapassamos na classificação. Esse é o pensamento”, afirmou o técnico Vilson Tadei, que tem ótimas notícias para escalar a equipe.
O treinador poderá contar com os retornos do volante Acleisson, do lateral-esquerdo Roberto e do zagueiro Sandoval. Todos cumpriram suspensão no empate com o Batatais e estão liberados para jogar. Outra novidade é o retorno do atacante Wilson Júnior, liberado pelo departamento médico.

Alterações no Bugre
O técnico Marcio Fernandes tem problemas para escalar o Guarani. Diego Souza está fora devido a dores musculares. O problema apareceu no último domingo, durante a vitória por 2 a 0 sobre o Barueri, quando ele precisou deixar o campo e foi substituído por Wellyson. A ausência de Julinho, lateral-esquerdo de origem, mas que fez sua estreia como meia, é por motivo familiar. Ele foi liberado pela diretoria para acompanhar o nascimento do seu filho e ainda é dúvida para quarta.
Com os desfalques, Fernandes optou por uma formação mais defensiva, com três volantes no meio. Além de Eduardo Erê e Welker, que caso confirme a escalação fará sua estreia como titular, Ricardo Oliveira segue no setor. Fumagalli foi o único homem de criação na primeira parte da atividade do treino desta terça. Depois, Fernandes colocou Esquerdinha no lugar de Welker. O meia, recém-contratado após ser dispensado pelo Paulista, aguarda a regularização da documentação para ficar à disposição de Fernandes. Quem continua fora é Fernando, que, novamente vetado pelo departamento médico, sequer participou do treino desta terça. Assim, o ataque alviverde continua sem um atacante de referência. A aposta é na velocidade de Fabinho e Roninho.

FICHA TÉCNICA
Guarani x Ferroviária

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista-SP
Data: 19/02/2014
Horário: 20h30
Árbitro: Adriano de Assis Miranda

Guarani – Guarani tem Douglas, Jefferson Feijão, Gustavo Bastos, Jorge Luiz e Jefferson; Welker (Esquerdinha), Eduardo Erê, Ricardo Oliveira e Fumagalli; Fabinho e Roninho. Técnico: Marcio Fernandes

Ferroviária – Everton; Niander, Sandoval, Alcides e Roberto; Acleisson, Milton Júnior, Alan Mineiro e Thiago Silva; Wilson Júnior e Jonatas Obina. Técnico: Vilson Tadei

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Arquivos