Select Page

Ferroviária empata e é eliminada da Série D



Locomotiva pressiona, mas para no goleiro e vai para a última rodada sem chances de classificação

Ferroviária empata e é eliminada da Série D

Faltando uma rodada para o final da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série D, a Ferroviária já está eliminada da competição. Com uma campanha frustrante que resultou na queda do técnico PC de Oliveira, a Locomotiva foi a campo na noite deste sábado (19) sob o comando do interino Bruno Pivetti, que não conseguiu dar uma nova cara à equipe. A Ferroviária pressionou, mas empatou por 0 a 0 com o Cianorte na Fonte Luminosa e completou seu quinto jogo sem vitórias na competição nacional.

A quinta rodada será encerrada neste domingo (20) com o duelo entre Tubarão-SC e Novo Hamburgo. Com o empate em Araraquara, o Grupo A16 apresenta o Tubarão já classificado com 12 pontos, seguido de Cianorte com 6, Ferroviária com 3 e Novo Hamburgo com 2.

A Locomotiva encerrará sua participação na Série D de 2018 no próximo domingo, 27, às 18 horas, quando vai até o Estádio do Vale, em Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, para enfrentar o Novo Hamburgo. No segundo semestre, a equipe disputará a Copa Paulista, onde voltará a perseguir o título que dará ao seu campeão uma vaga na Série D de 2019.

O jogo

A primeira oportunidade de gol do jogo foi da Ferroviária aos 8 minutos,quando Arthur fez o cruzamento para Caio Mancha, que cabeceou e a bola passou rente à trave. Aos 14, o mesmo Caio Mancha cabeceou após cruzamento de Marcos Ytalo e a bola passou por cima do gol. O jogo ficou truncado e somente no final do primeiro tempo ocorreu um lance polêmico quando, aos 42, Tom tentou dominar dentro da área e a bola resvalou no braço de se marcador. A torcida afeana pediu pênalti, que não foi marcado pelo árbitro. A Locomotiva ficou muito perto de abrir o placar aos 45, quando Marcos Ytalo fez o cruzamento na área e Tom cabeceou para parar em uma bela defesa do goleiro João Gabriel, que espalmou e a bola sobrou para Caio Mancha cabecear e novamente parar na intervenção do goleiro.

O segundo tempo começou comuma boachance para cada lado.Aos 6 minutos, o zagueiro afeano Elton cabeceou após cobrança de escanteio e parou em uma bela defesa do goleiro João Gabriel. Na sequência da jogada,a bola chegou a Thomas Anderson, que arriscou de fora da área e parou na defesa de Gabriel Leite.

Aos 10, após cruzamento de Felipe Ferreira, Caio Mancha cabeceou firme o goleiro do Cianorte foi buscar a bola em seu canto direito para evitar o gol. Aos 13, o goleiro João Gabriel operou outro milagre quando Tom recebeu dentro da área, girou e encheu o pé para parar na defesa do goleiro. O Cianorte assustou aos 29 com um chute de Rodrigo Alves que passou perto da trave direita do goleiro Gabriel Leite.

No final do jogo, a Ferroviária pressionou, mas parou na boa atuação da defesa paranaense, que evitou o gol e confirmou o empate por 0 a 0.

FICHA TÉCNICA

FERROVIÁRIA 0 x 0 CIANORTE-PR

Local: Estádio da Fonte Luminosa, em Araraquara;

Data/Horário: Sábado, 19 de maio, 19h;

Arbitragem: Jonathan Antero Silva (RO), auxiliado por Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO) e Valdebranio da Silva (RO);

Público: 521 pagantes;

Renda: R$ 5.795,00

Cartões amarelos: Arthur (Ferroviária); Fernandinho e Jovany (Cianorte);

FERROVIÁRIA – Gabriel Leite; Marcos Ytalo, Elton, Luan e Arthur; Higor Meritão (Elvis), Íkaro e Tom; Gilsinho (Tharlles), Felipe Ferreira (Lucas Douglas) e Caio Mancha. Técnico: Bruno Pivetti;

CIANORTE – João Gabriel; Gerônimo (Lucena), Montoya, Feliphe Gabriel e Arroyo (Rodrigo Alves); Jovany, Carrilho e Fernandinho; Thomas Anderson, Ferreira (Felipe Ramon) e Neto Costa. Técnico: Marcelo Caranhato.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos