Select Page

Ferroviária é vice-campeã



Locomotiva perde nos pênaltis e deixa escapar o título diante de sua torcida

Ferroviária é vice-campeã

A Ferroviária jogou bem, insistiu, criou boas jogadas, mas não conseguiu vencer o Votuporanguense no jogo de volta da Copa Paulista 2018. A torcida afeana, que compareceu em peso na manhã deste domingo no Estádio da Fonte Luminosa, viu seu time abrir o placar com Tom aos 29 minutos do primeiro tempo, mas viu os visitantes empatarem com Erick Sales nos acréscimos da etapa inicial.

Apesar do bom volume de jogo, a Locomotiva não conseguiu fazer o segundo gol. O empate no tempo regulamentar por 1 a 1 foi o mesmo do jogo de ida em Votuporanga, o que levou a decisão para os pênatis. O afeano Arthur foi o único a perder, o que ocasionou a vitória e o título do time de Votuporanga.

Apesar do vice-campeonato, a equipe araraquarense saiu de campo aplaudida, enquanto o Votuporanguense fez a festa de cerca de 300 torcedores que marcaram presença no estádio.

A Ferroviária aguarda agora uma oficialização por parte do Votuporanguense, que havia manifestado o interesse em disputar a Copa do Brasil, o que automaticamente colocaria a Locomotiva na Série D do Brasileiro de 2019.

O jogo

A Ferroviária apresentou bom volume de jogo no início da partida e buscou o ataque, porém só abriu o placar aos 29 minutos de jogo, quando Felipe Ferreira foi acionado pela ponta esquerda e cruzou rasteiro. A bola passou pela defesa do Votuporanguense, mas não passou por Tom, que se esticou para finalizar e estufa a rede para a Locomotiva. Festa grená na Fonte!

Aos 34, o time visitante teve uma boa chance de igualar o marcador quando Léo Aquino aproveitou saída de bola errada da Ferroviária e saiu de frente com o goleiro Gabriel Leite, que fez a defesa e aliviou a torcida.

Mas aos 46, após cruzamento da direita, Bruno Baio não conseguiu dominar na entrada da área, mas o erro se transformou em assistência para Erick Sales, que saiu de frente para o gol, dentro da pequena área, para chutar de primeira e estufar a rede de Gabriel Leite.

A Locomotiva começou a etapa complementar assustando com um chute de fora da área de Léo Artur, mas a bola passou por cima. O time araraquarense criou outra oportunidade aos 6, quando Felipe Ferreira recebeu cruzamento dentro da pequena área e desviou de peito, mas o goleiro Bruno Pianissola fez a defesa em seu canto esquerdo.

Aos 13 minutos, Felipe Ferreira cruzou pela esquerda, a zaga afastou mal e a bola sobrou na entrada da área para Tom, que encheu o pé, mas o defensor tirou em cima da linha, evitando o que seria o segundo gol afeano. Aos 21, quase o zagueiro Renato Justi, do Votuporanguense, marcou gol contra quando ele desviou um cruzamento de Felipe Ferreira e a bola passou perto da trave. Aos 33, foi a vez do time visitante levar perigo com uma bola cabeceada por Matheus Destro que passou perto da trave. Aos 38, o Votuporanguense saiu em contra-ataque e a bola chegou a Léo Santos, que cortou seu marcador na entrada da área e bateu rasteiro, perto da trave direita do goleiro afeano. Fim de jogo e empate por 1 a 1.

Decisão nos pênaltis

Nos pênaltis, o Votuporanguense teve 100% de aproveitamento com Ricardinho, Bruno Baio, Léo Aquino, Paulo Henrique e Renato Justi. Já a Ferroviária fez os gols com Tom, Fellipe Matheus e Higor Meritão, mas a cobrança desperdiçada por Arthur ocasionou a derrota por 5 a 3.

FICHA TÉCNICA

FERROVIÁRIA 1 x 1 VOTUPORANGUENSE
(3×5 nos pênaltis)

Local
: Estádio da Fonte Luminosa, em Araraquara;
Data/Horário: Domingo, 2 de dezembro, 11 horas;
Arbitragem: Vinicius Gonçalves Dias Araújo, auxiliado por Daniel Luís Marques e Daniel Paulo Ziolli;
Público: 12.224 pagantes;
Renda: R$ R$ 101.550,00;
Cartões amarelos: Marcos Ytalo, Caio Mancha e Fellipe Matheus (Ferroviária); Matheus Destro (Votuporanguense);
Gols: Tom (29’ do 1T) para a Ferroviária; Erick Sales (46’ do 1T) para o Votuporanguense;

FERROVIÁRIA – Gabriel Leite; Marcos Ytalo, Elton, Gualberto e Arthur; Higor Meritão, Caíque (Fellipe Matheus) e Léo Artur (João Clériston); Tom, Caio Mancha e Felipe Ferreira (Richard). Técnico: Vinicius Munhoz;

VOTUPORANGUENSE – Bruno Pianissola; Sávio, Renato Justi, Paulo Henrique e Matheus Destro (Lucas Anselmo); Alisson, Ricardinho e Léo Aquino; Erick Sales (João Marcos), Dudu (Léo Santos) e Bruno Baio. Técnico: Rafael Guanaes.

Foto: Mariana Boschiero/AFE

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos