Selecione a página

Cabrini vence cinco mil metros nos Regionais

Cabrini vence cinco mil metros nos Regionais

O fundista Marcelo Cabrini, de 28 anos, da Fundesport/Uniara, venceu a prova dos 5 mil metros com a marca de 14.41.73 na manhã dessa quarta-feira (25), na pista Armando Garlippe, em prova válida pelo 58º Jogos Regionais. O segundo colocado, Wendell Souza, de Barretos, 9º no ranking brasileiro nas provas de fundo, cravou 14.45.07. O terceiro, Carlos de Oliveira Santos, de Bebedouro, 15.05.17.
Otimista com a vitória e inspirado na superação dos atletas das equipes não favoritas ao título da Copa do Mundo, Cabrini mira o ouro na prova dos 10 mil na manhã desta quinta-feira (26).
“Assisti alguns jogos da Copa e gostei da Costa Rica que superou as grandes seleções de seu grupo. Concentrei-me para surpreender os favoritos e dei o máximo na penúltima volta evitando a decisão de última hora”, relata Cabrini, que comemorou a vitória com parentes e amigos.
Cabrini soma, desde 2006, 8 vitórias consecutivas nas provas dos dez mil nos Jogos Regionais. Nos 5 mil, o campeão já conquistou em seis edições.

Noeme conquista bronze
A maior expressão das provas de fundo da Fundesport, Noeme Pereira, 37, conquistou bronze nos 5 mil metros com a marca de 19.31.29 e disputou a prata lado a lado com a Elizangela Marques, 32, de Franca, que completou a prova na frente com 19.29.11 e ficou com a prata. A experiente Maria Zeferina Baldaia, 42, de Sertãozinho, faturou o ouro com 18.18.83.
Noeme vibrou com o bronze e falou sobre a felicidade de disputar os jogos após o tratamento de uma lesão no fêmur. “Sofri uma contusão por estresse e fadiga na cabeça do fêmur, tratei-me durante a preparação para os jogos e corri nos 5 mil bem próximo das duas primeiras colocadas”, conta Noeme. “Estou confiante em correr bem nos dez mil metros”, conclui.
Os resultados das provas de atletismo e outras modalidades constam no boletim oficial publicado diariamente no site da Prefeitura (araraquara.sp.gov.br)

Mais ouro no atletismo
João Barbosa, 27, da Fundesport, saltou 4m50 na prova de vara e ficou com a medalha de ouro na prova com auxilio do atleta Valdemir Silva, ex-companheiro de equipe.
“Enfrentei problemas e não tive uma preparação adequada, mas na hora da prova procurei superar tudo com dedicação”, relata o campeão que ainda disputa o decatlo e foi guia nas provas especiais para os paratletas.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade