Select Page

Prefeito pede isenção de impostos para grandes empresas



A tendência a privilégios para grandes empresas, causa polêmica entre munícipes que foram “agraciados” com o recadastramento imobiliário

Prefeito pede isenção de impostos para grandes empresas

Suze Timpani

Na sessão extraordinária que acontecerá nessa segunda-feira (17), está em pauta na Casa de Leis a votação do Projeto de Lei Complementar nº 027/2018, que dispõe sobre a manutenção de alíquota reduzida de Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), nos termos da Lei Complementar nº 842, de 1º de outubro de 2013,  que incide sobre as atividades desenvolvidas pela empresa GE Transportes Ferroviários S/A.

O ISS é o Imposto Sobre Serviços e veio substituir o antigo ISSQN. Ele é um tributo de competência dos municípios e cabe ao Executivo  manter ou não a alíquota reduzida.

Também entra em votação a isenção de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), para as empresas Andritz Hydro Inepar do Brasil S/A e Iesa Projetos, Equipamentos e Montagens S/A.

Vale ressaltar que as empresas instaladas na cidade geram empregos e dividendos, mas, cria polêmica diante do Recadastramento Imobiliário, que provocou uma série de cobranças indevidas no IPTU e não agradou em nada a população.

Tentamos contato via telefone na sexta-feira (14), durante todo o dia com a Iesa, mas não fomos atendidos. Questionamos também a Prefeitura Municipal sobre as isenções de tributos, mas não obtivemos resposta.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos