Select Page

Museu de Reminiscências recebe terno lendário

Museu de Reminiscências recebe terno lendário

Em 1954, o ponta direita Maurinho se tornou o primeiro araraquarense a disputar uma Copa do Mundo ao vestir a camisa amarelinha na competição realizada na Suíça e que teve a Alemanha como campeã. O terno usado pelo atleta durante os passeios com a delegação durante o Mundial foi doado por sua família ao Museu de Reminiscências Esportivas Paschoal Gonçalves da Rocha, que fica localizado em uma sala anexa à arquibancada das piscinas da Fonte Luminosa, em Araraquara, e que pode ser visitado gratuitamente.
O local, que conta com a gestão do Grupo Filhos do Paschoal, promoveu na última quinta-feira (28) uma cerimônia que marcou a entrega da vestimenta. A solenidade foi comandada por Giovani Peroni, da equipe dos Campeões da Bola da Rádio Cultura, e também teve a participaçao de esportistas e personalidades ligadas ao esporte local.
O terno foi integrado aos ítens relacionados ao time amador do Paulista Futebol Clube de Araraquara, que integra a ‘Exposição Os Grandes Clubes da Nossa Terra – Lembranças com o Pé no Chão’, que celebra o futebol amador de Araraquara e que pode ser conferida gratuitamente no local. A mostra, que surgiu de um projeto idealizado pelos jornalistas Ivan Roberto Peroni e Rafael Zocco, conta boa parte da história dos times amadores da cidade nos últimos 60 anos.
O Museu de Reminiscências abre de segunda a sexta-feira das 8 às 13 horas e das 15 às 18 horas, e aos sábados com programação especial. Outra boa opção para quem se interessa pelo futebol local é o Museu de Futebol e Esportes de Araraquara, que abre de segunda a sexta-feira das 9 às 17h30 e sábado das 9h30 às 12 horas. Ambos são localizados no complexo do Estádio da Fonte Luminosa e a entrada é gratuita.

A história de Maurinho
Nascido no dia 6 de junho de 1933 em Araraquara, Mauro Raphael, mais conhecido como Maurinho atuava como ponta direita. Como tinha a velocidade como principal característica, rapidamente ganhou o apelido de Flecha.
Surgiu no futebol amador de Araraquara, onde defendeu o Paulista Futebol Clube e rapidamente partiu para o esporte profissional ao ser contratado pelo Guarani. Chamou a atenção do São Paulo, time que defendeu durante oito temporadas. Foram 343 jogos e 135 gols marcados, além de ter se consagrado como um dos destaques da equipe campeã paulista em 1953 e 1957. O bom desempenho no São Paulo levou Maurinho a ser convocado para a Copa do Mundo de 1954.
Pela Seleção Brasileira, participou de 14 jogos e marcou quatro gols. Não teve mais chance na seleção porque enfrentou fortes concorrentes na posição, entre eles Mané Garrincha, Julinho Botelho e Cláudio. Depois do São Paulo, passou pelo Fluminense, onde atuou de 1959 a 1963, com 119 partidas e 40 gols marcados e com os títulos Carioca de 1959 e Torneio Rio-São Paulo em 1960. Posteriormente, vestiu a camisa do Boca Juniors da Argentina, onde também teve uma passagem gloriosa, inclusive com o título de campeão argentino de 1962.Retornou ao Brasil em 1964 para jogar pelo Vasco da Gama e encerrou a carreira no Fluminense com apenas 31 anos de idade. Maurinho faleceu no dia 28 de junho de 1995, em São Paulo.

Últimos Vídeos

Loading...

Arquivos