Selecione a página

Câmara aprova Programa de Desligamento Voluntário da Prefeitura

Câmara aprova Programa de Desligamento Voluntário da Prefeitura

Na 82ª Sessão Ordinária, realizada no Plenário da Câmara Municipal, na noite desta terça-feira (2), os vereadores aprovaram o projeto da Prefeitura que institui o Programa de Desligamento Voluntário (PDV) no âmbito do Poder Executivo Municipal de Araraquara.

A medida é consequência de sentença da Justiça, por meio da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Araraquara, que determinou “o fim da estabilidade do servidor público municipal da administração direta e indireta do município de Araraquara, a partir de sua aposentadoria, e que seja feita a revisão dos contratos de trabalho em vigor, nos quais figurem servidores aposentados, decidindo quais contratos deverão ser rescindidos, podendo, ainda, instituir programa de demissão voluntária compatível com a preservação do interesse público”.

A proposta aprovada prevê que a medida seja estendida a servidores que ainda não se aposentaram, pagando-lhes indenização correspondente ao tempo de trabalho. (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=201176)

Também foi aprovado o projeto da Prefeitura que dispõe sobre a gratuidade do transporte coletivo urbano e intermunicipal de passageiros que estejam em tratamento de neoplasia maligna (câncer).

A proposta é fruto de indicação do vereador Roger Mendes, considerando que o tratamento despende grande parte da renda do paciente, prejudicando a manutenção econômica e a subsistência de todo o grupo familiar. A medida pode ser estendida para o acompanhante da pessoa em tratamento. (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=201613)

Em segunda discussão e votação, foi aprovado o projeto da Prefeitura que altera a Lei Complementar nº 889, de 4 de junho de 2018, reformulando o programa “IPTU Verde”, que concede isenção parcial de Imposto Predial e Territorial Urbano para propriedades que conservarem área arborizada e adotarem outras medidas de interesse ambiental, de modo a aprimorar o procedimento para a concessão da isenção.

Na reformulação, indicada pelo presidente da Câmara, Jéferson Yashuda Farmacêutico, foi incluída uma regulamentação formulada pela Diretoria de Gestão Ambiental do Departamento Autônomo de Água e Esgotos (Daae) com os requisitos necessários para quem deseja a concessão do benefício. (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=201666)

Projeto aprovado do vereador Elias Chediek institui e inclui no Calendário Oficial de Eventos do Município de Araraquara a “Semana dos Museus”, a ser comemorada anualmente na terceira semana do mês de maio. (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=194957)

A importância da proposta foi abordada na Tribuna Popular pela secretária municipal de Cultura, Teresa Telarolli, e pela coordenadora de Acervos e Patrimônio Histórico, Danielle de Aquino.

Outro projeto aprovado da Prefeitura altera a Lei nº 9.347, de 15 de agosto de 2018, que denomina Quadra de Futebol Society “José Laurindo” a quadra esportiva localizada entre a Avenida Lázaro Machado e Rua Henrique Baptista Crisci, no bairro residencial Valle Verde, de modo a corrigir o nome do homenageado e a localização da referida quadra. (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=201847)

Também foi aceito o Parecer da Comissão de Justiça, Legislação e Redação manifestando-se pela inconstitucionalidade do Substitutivo ao Projeto de Lei Complementar nº 8/2018, que dispõe sobre a obrigatoriedade da contratação de serviço de segurança privada em eventos realizados no âmbito do município. (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=199650)

Abertura de créditos

A Prefeitura foi autorizada pelos vereadores a abrir créditos no orçamento do município que totalizam cerca de R$ 1,5 milhão.

O valor de R$ 375 mil é para a manutenção dos serviços de preceptoria médica na rede básica de saúde. (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=201859)

Para acolhimento institucional de pessoas idosas com ordem judicial e manutenção das atividades com o Programa de Inclusão Social e Cidadania são R$ 500 mil. (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=201855)

O montante de R$ 222.387,68 é para que a Controladoria do Transporte de Araraquara (CTA) abra processo licitatório que visa à contratação de empresa especializada para reforma e ampliação do Terminal Central de Integração (TCI). (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=201852)

Já R$ 373 mil são para que a CTA abra processo licitatório que visa à contratação de empresa especializada para prestação de serviços de limpeza e conservação no TCI e na sede da Controladoria. (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=201850)

Arquivo Histórico

Foi aceito o pedido do vereador Rafael de Angeli para que a matéria publicada no jornal “O Imparcial”, na edição de 24 de agosto de 2018, sob o título “Araraquarense Lauro Chaman brilha na prova Ciclística Anésio Argenton”, passasse a fazer parte do Arquivo Histórico da Câmara. (http://www.camara-arq.sp.gov.br/Siave/arquivo?Id=200142)

Últimos Vídeos

Carregando...

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade