Selecione a página

Trabalho voluntário ganha data no Calendário de Eventos de Araraquara

Trabalho voluntário ganha data no Calendário de Eventos de Araraquara

Projeto que visa à autoestima de crianças que estão em fase de tratamento contra o câncer, o grupo “Peruquinhas de Fios” ganhou uma data no Calendário de Eventos do Município de Araraquara: 29 de março. É o que garante a lei de autoria do vereador Cabo Magal Verri (MDB) sancionada na tarde dessa segunda-feira (10), na sala de reuniões da Prefeitura. As peruquinhas remetem aos cabelos coloridos de princesas e às toquinhas para os meninos com super-heróis e personagens infantis.

“É um projeto que eleva a autoestima das crianças com câncer, que nos deixa felizes e tristes ao mesmo tempo. Tristes pela situação que elas enfrentam”, disse a representante do grupo, Joanilda Pegoraro.

Para Verri, “é um trabalho muito importante que melhora a autoestima de crianças com câncer em todo o estado, já que as peruquinhas são distribuídas em vários hospitais. Tenho acompanhado desde o início essa iniciativa e só tenho a elogiar as voluntárias”.

O prefeito Edinho Silva (PT) destacou que “o maior dom que o ser humano pode ter é se colocar na situação do outro. É um trabalho belíssimo. Não é todo mundo que tem condições de comprar uma peruca para uma criança. Parabéns pelo reconhecimento desse trabalho. Fico feliz em encontrar gente que se preocupa com o outro”.

Segundo o texto da lei, o evento poderá ser realizado em qualquer outra data, dentro do mês referido, em caso de inviabilidade. Os recursos necessários para atender as despesas com execução da lei serão obtidos mediante doações e campanhas, sem acarretar ônus para o município.

“Peruquinhas de Fios”
O projeto surgiu em dezembro de 2017, quando a artesã Joanilda Pegoraro assistia a uma reportagem sobre mulheres do Sul que faziam perucas para crianças e distribuíam pelos hospitais que tratam o câncer infantil. Ela percebeu que poderia ensinar outras pessoas a desenvolverem as peruquinhas e levou a ideia do projeto para as agentes comunitárias de saúde do Posto de Saúde da Família (PSF) no bairro Vale do Sol, onde reside. O projeto comemorou um ano em 23 de março de 2019.

Hoje o projeto voluntariado conta com 60 colaboradores que confeccionam as peruquinhas e toquinhas com apoio da Liga Araraquarense de Combate ao Câncer (Lacca) e da Casa Mater, e homenageia a saudosa professora Camila Mazzeu, que lutou por muitos anos contra a doença e foi a criadora do projeto “Corajosas”.

O “Peruquinhas de Fios” se mantém vendendo rifas, e qualquer pessoa pode colaborar com doações de novelos de lã e outros itens. O contato pode ser feito por meio da página do projeto no Facebook. As reuniões para a confecção das peças acontecem todas as segundas-feiras, das 8 às 10 horas, e quartas-feiras, das 14 às 16 horas.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade