Selecione a página

Todo dia é dia de índio

Cultura indígena no Centro da cidade chamou a atenção de populares

Suze Timpani
Uma cena um tanto quanto inusitada, encontrar um cacique em frente ao Paço Municipal de Araraquara, aconteceu nessa quinta-feira (11).
Cacique Kairá, da tribo Kariri-Chocó que tem sua aldeia fixada na cidade de Porto Real do Colégio, altos do Alagoas, contou para a reportagem que há uns 20 anos passou pela região a Hidrelétrica de Sobradinho no Rio São Francisco e, em consequência disso, perderam o peixe e com a mudança do curso do rio perderam também muitas terras de plantio.
Então o cacique e o pajé da tribo tiveram a ideia de transformar alguns índios jovens e fortes como Kairá, em caciques de grupo. Cada cacique de grupo é responsável por 60 famílias, tento a tribo Kariri-Chocó mais de 4 mil pessoas morando na aldeia. Esses caciques de grupo foram enviados para grandes centros para fazer um trabalho nas escolas como dança, além de mostrar sua cultura e fazer palestras. Esses caciques fazem esse trabalho duas vezes por ano, nos meses de abril e agosto.
A visita de Kairá à cidade é para entrar em contato com as escolas, para em agosto estarem fazendo apresentações. Em frente à Prefeitura Municipal estava montada uma oca e uma barraca para a venda de artesanato, pois assim eles conseguem se manter, e estarão na cidade até hoje (13), onde farão uma exposição pela manhã na Mondrian Café.
Sobre correr todo o país para mostrar sua cultura, o cacique diz que no começo foi muito difícil, pois enfrentou muito preconceito, mas hoje já se acostumou, “apenas ouço e não respondo, o importante é que estou conseguindo manter minha tribo”. Ele diz ainda que há anos atrás passou muitas necessidades e que hoje devido a esse trabalho de divulgação de sua cultura que faz fora da aldeia tem vencido muitos obstáculos.
Conta também que há escolas onde não é bem recebido e, nessas, ele não volta mais, mas a maioria os recebe muito bem e acha muito importante que as crianças conheçam a história de sua tribo.
Araraquara está sendo visitada pelo cacique pela primeira vez e ele se diz muito feliz por estar aqui, “fui muito bem recebido e a cidade tem um nome indígena e aqui me sinto em casa”, finalizou o Kairá.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade