Selecione a página

Santa Casa e Secretaria de Saúde se unem por melhora no atendimento pós-alta hospitalar

Atualmente a Santa Casa conta com vários dispositivos de humanização preconizados pela PNH

Santa Casa e Secretaria de Saúde se unem por melhora no atendimento pós-alta hospitalar

Buscando melhorar não apenas a reforma física das estruturas do hospital, a Santa Casa traz a seus colaboradores e parceiros uma mudança de comportamento, pensando na qualidade do atendimento prestado a seus pacientes.

Pensando nessa articulação com parceiros, na tarde dessa quarta-feira (18), a equipe multidisciplinar da Santa Casa de Araraquara participou de uma reunião com as equipes das Unidades Básicas de Saúde (UBS) da cidade para falar sobre alta responsável e clínica ampliada.

A reunião teve como objetivo aproximar as Unidades Básicas e a Santa Casa para garantir a integralidade e continuidade do cuidado do paciente por meio da alta responsável.

“Todos os pacientes que recebem alta hospitalar e vão para suas casas, saem da Santa Casa com os documentos de encaminhamento para o posto de saúde de sua referência e são orientados sobre todos os cuidados que precisam ter e para onde devem se dirigir. Esse processo serve para garantir que o paciente irá continuar com seu tratamento.”, explica a coordenadora de humanização do hospital, Lisliane Panosso.

A alta responsável é preconizada pela Política Nacional de Humanização (PNH) e tem como objetivo promover o atendimento do paciente em sua totalidade, visando o retorno tranquilo para sua residência e qualidade de vida no pós-alta, diminuindo consequentemente o retorno antecipado e desnecessário ao hospital.

Atualmente a Santa Casa conta vários dispositivos de humanização preconizados pela PNH: Clínica Ampliada, alta responsável, acolhimento com classificação de risco, pesquisa de satisfação ao usuário, ouvidoria e etc.

A Clínica Ampliada é um recurso que a equipe multidisciplinar utiliza para discutir com o médico e demais profissionais sobre o quadro clínico do paciente, utilizando alguns critérios estabelecidos. “Ela é ampliada também no sentido de se pensar que todo profissional de saúde participe ativamente dos cuidados desse paciente, contribuindo para o tratamento com mais segurança e mais qualidade. No momento da discussão, o serviço social informa ao médico tudo que o paciente irá precisar para a alta”, explica a coordenadora da equipe multi, Priscila Lopez

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade