Select Page

Rastros de devastação permanecem no Jardim Universal

Rastros de devastação permanecem no Jardim Universal

Da redação

No último verão, devido às fortes chuvas que caíram em Araraquara, muitas árvores não resistiram aos ventos e foram ao chão. Um exemplo disso pode ser observado na Avenida Rômulo Lupo, no Jardim Universal, onde muitas árvores caíram e não foram replantadas, deixando um vazio no canteiro central.
Após extinção da secretária do Meio Ambiente, onde suas atribuições foram repassadas ao DAAE, é nítido o descaso com que vem sendo tratados os problemas dessa natureza.
Moradores do bairro acreditavam há dois meses, quando foi realizado o projeto “Prefeitura nos bairros”, onde alguns problemas são sanados pelo poder público, que as árvores seriam replantadas, mas não foram. Já há nessa rua espaços vagos, onde a vizinhança fez novos plantios, pois se cansaram de aguardar por manifestação do Meio Ambiente.
Um projeto que vem sendo discutido por vereadores é a plantação de árvores frutíferas nas ruas. O Jardim Universal seria um lugar propício a essa demanda, já que na região pássaros de várias espécies podem ser vistos com frequência.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos