Select Page

OAB de Araraquara inicia a criação da Comissão de Direito Sistêmico



“O estudo das leis sistêmicas faz com que operador do direito tenha um olhar que vai além do que aparece no processo judicial”, diz Sami Storch

OAB de Araraquara inicia a criação  da Comissão de Direito Sistêmico

José Augusto Chrispim

Em reunião na OAB, Dr. Tiago Romano, Geraldo Martelli e Marcelo Dias

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Araraquara pode aderir ao uso do sistema de Constelação Familiar no âmbito jurídico, que é conhecido como ‘Direito Sistêmico’, em breve. O presidente da OAB, Dr. Tiago Romano, se reuniu com o terapeuta sistêmico Geraldo Martelli e com Marcelo Dias, representando o vereador Dr. Elton Negrini (PSDB), na tarde dessa quinta-feira (21), para tratar da criação de uma comissão do Direito Sistêmico em Araraquara.

O processo teve início na gestão anterior da OAB, quando a senhora Adhara Campos Viera, que é de Brasília (DF), esteve em Araraquara em janeiro de 2018, dando formação aos advogados da entidade sobre o Direito Sistêmico. Adhara esteve recentemente em Miami e Orlando, nos EUA, onde também apresentou seu trabalho.

De acordo com Martelli, o incentivo do vereador Elton Negrini e de seu assessor Marcelo Dias, foi a referência necessária para que o assunto das Constelações no Judiciário tomasse corpo e se transformasse na criação de uma comissão que abordará a prática das Constelações no Judiciário, constelando processos na justiça local.

O presidente da OAB local, Dr. Romano, acolheu definitivamente o projeto do terapeuta, compreendendo que esse desenvolvimento da “Cultura da paz” é um caminho sem volta para a justiça de nosso país. “Sabemos da transformação necessária da sociedade como um todo e, certamente, Araraquara não ficará de fora dessa evolução dentro do Judiciário”, ressaltou Romano.

Futuramente a própria população terá como comprovar a eficácia dessa nova visão abordada pelo psicoterapeuta alemão Bert Hellinger, que ganha repercussão mundial, inclusive com introdução recente nos tribunais da Espanha e Portugal pelo juiz brasileiro Dr. Sami Storch. Sami, que é da Bahia, é o criador no mundo do uso da Constelação no âmbito jurídico.

Benefício para a população

Para o terapeuta, que se dedica à formação desta prática na escola de Bert Hellinger e Sophie Hellinger proprietários da Hellinger Schule e fundadores da Constelação Famíliar e da Hellinger Sciencia que pesquisa a continuidade desta prática no mundo, ganha a OAB de Araraquara e toda a sociedade que terá uma nova visão para os processos locais, visto que hoje no Brasil são protocolados mensalmente mais de 100.000 novos processos. Martelli informa que quando estão reunidas ambas as partes em uma Constelação o percentual de acordo é de 100 % e quando apenas uma parte está presente o índice é de 86% de resolução.

Dúvidas

Quem desejar tirar alguma dúvida a respeito do assunto pode entrar em contato como terapeuta sistêmico Geraldo Martelli pelo WhatsApp (16) 98262-1000.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

  • Charge – Bom

Publicidade

Publicidade

Arquivos