Select Page

Na Super Semana, aposentados reivindicam melhores salários

Aposentados realizaram passeata ontem em AraraquaraEm decorrência da Super Semana do Aposentado que se iniciou no dia 12 deste mês e se encerrou ontem, a Associação dos Aposentados e Pensionistas e Idosos de Araraquara, convidou toda a população, tanto da cidade quanto de outras regiões para participarem das atividades desenvolvidas durante a semana, além de defenderem os direitos previdenciários de sua categoria. O evento teve a intenção de divulgar as reivindicações à categoria e para o Governo Federal.

A situação vivida pelos aposentados e pensionistas é que eles vêm perdendo a dignidade e qualidade de vida com o passar dos anos, porque os salários reduzem com o decorrer dos anos. Os direitos previdenciários reivindicados por eles são os mesmos da retidão dos princípios, garantias e vantagens asseguradas originalmente pela Constituição Federal de 1988.

As atividades da semana começaram na Sessão da Câmara Municipal na terça-feira, finalizando o dia em um debate realizado na OAB – Ordem dos Advogados do Brasil da cidade para discutir os Direitos dos Aposentados, Pensionistas e Idosos. Já nos demais dias outras programações aconteceram, como missa, passeata na cidade, plenária, baile e prestação de serviços (saúde, orientação, jurídica, odontologia, entre outros).

Na passeata de ontem, os vereadores Elias Chediek e Lucas Grecco (PMDB) estiveram presentes e interagiram com todos que ali estavam, enquanto se formavam uma concentração na Praça do Parque Infantil. O deputado federal, Arnaldo Faria de Sá (PTB) que faz parte do grupo dos defensores da causa dos aposentados, pensionistas e idosos da Câmara Federal, também participou das atividades dos dias 13 e 15 da Super Semana do Aposentado.

O prefeito Marcelo Barbieri (PMDB) se pronunciou na concentração e comentou sobre a luta de todos esses anos feita pelos aposentados e pensionistas da cidade e região.

Reivindicações solicitadas

  • Reajuste anual único para todos os benefícios e igual ao do Salário Mínimo;
  • Recuperação do valor dos benefícios ao mesmo número de salários da data da concessão (PL 4.434);
  • Fim do fator previdenciário, com a derrubada do veto ao PL 3.255/02
  • Gestão quadripartite da Previdência Social, pelos trabalhadores, aposentados, patrões e governo;
  • Derrubada do veto ao reajuste de 2006, com a concessão de 11,66% retroativos;
  • Efetivação da Emenda Constitucional nº 29, que determina mais recursos para a saúde
  • Fim da Desvinculação das Receitas da União (DRU)

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos