Selecione a página

Mutirão de esterilização definitiva poderá ser realizado nos próximos meses

Procedimentos de laqueadura e/ou vasectomia poderão acontecer até o final de maio e/ou início de junho

Mutirão de esterilização definitiva poderá ser realizado nos próximos meses

Da redação

Alguns homens estão questionando se a Prefeitura através da Saúde irá realizar um mutirão de vasectomia.

Recentemente a Fundação /Maternidade Gota de Leite foi credenciada pelo Ministério da Saúde como Unidade habilitada para realização de Laqueadura e Vasectomia (Deliberação CIB nº 76, de 21/11/2017).

A solicitação de credenciamento se deveu a parceria prevista entre a Secretaria Municipal de Saúde e aquela instituição, para que a mesa pudesse realizar, inicialmente em regime de mutirão, estes dois procedimentos.

A Lei Federal nº 9.263, de 12/01/1996, que “regula o § 7º do art. 226 da Constituição Federal, que trata do planejamento familiar, estabelece penalidade e dá outras providências”, determina alguns critérios e condições para que possam ser realizados os procedimentos descritos.

Assim, considerando todas estas questões, o fluxo para que sejam realizados os procedimentos de esterilização definitiva (laqueadura e/ou vasectomia): manifestação da vontade do casal que serão encaminhados ao Ambulatório de Saúde da Mulher para entrevista com assistente Social que orientará o casal sobre as providências preliminares e rotinas que deverão ser observadas para a inserção do paciente na fila de realização do procedimento, serão realizadas consultas e exames específicos – no NGA3, no caso de Vasectomia.

Com o credenciamento já publicado, a Fundação/Maternidade Gota de Leite está estruturando o serviço (compra do material/instrumental específico), definição de agendas e articulação com centro cirúrgico, com credenciamento dos profissionais médicos habilitados  para iniciar a realização de mutirão de vasectomia – Laqueadura já vem sendo realizada desde o final do ano passado, pois a Maternidade já contava com os profissionais médicos habilitados para tal procedimento.

Como não se fazia a “Vasectomia” no município de Araraquara há pelo menos, 8 anos, a Secretaria de Saúde esteve contatando todos os usuários que, no período, manifestou interesse em realizar o procedimento, para que confirmasse ainda o interesse em realiza-lo, além de atualizar os dados de contato, para que, assim, que forem definidas as agendas das cirurgias, estes pacientes possam ser contatados para sua realização – até dia 11 de maio, eram 107 (cento e sete) pacientes que confirmaram o interesse de realização da cirurgia, e já estão aptos a realizá-la (todo o processo preliminar, de acordo com a Lei, finalizado), e há vários outros que estão sendo avaliados pelos serviços para serem inseridos nesta lista.

A Fundação/Maternidade Gota de Leite, considerando algumas mudanças estruturais que está passando – organização de seus ambulatórios e a finalização do credenciamento dos profissionais médicos para a realização do referido procedimento – estima-se que seja iniciado o referido mutirão até o final de maio e/ou início de junho/2018.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade