Selecione a página

Massucato tem pré-campanha a Deputado Estadual confirmada pelo Patriota

O empresário araraquarense representou a cidade noXIIICongresso Estadual do partido, em São Paulo

O empresário representou Araraquara o XIII Congresso Estadual do PatriotaMembros da Executiva do Patriota Araraquara participaram do XIII Congresso Estadual do Patriota realizado na Assembleia Legislativa de São Paulo, no último sábado (24), em que reuniu diversas autoridades políticas, correligionários e simpatizantes. Na oportunidade, foram oficializadas diversas pré-candidaturas para concorrer ao pleito a Deputado Estadual e Federal. O empresário Valdir Massucato foi apontado como pré-candidato a deputado Estadual pela região de Araraquara.

De acordo com o presidente Nacional do Patriota51, o ambientalista Adilson Barroso, “a escolha pelo nome do empresário Valdir Massucato foi espontânea e unânime. Ele é um empresário de prestígio, dirigiu diversas companhias, inclusive multinacional; é honesto e têm consciência do momento em que a politica está passando. Ele veio para o Patriota para mudar este cenário triste de corrupção. Portanto, está no partido certo”, frisou.

O presidente do Patriota de Araraquara, Pedrinho, apoia a indicação de Massucato como pré-candidato a estadual e informou que, em breve, a Executiva Municipal anunciará o nome do pré-candidato para concorrer às eleições como Deputado Federal. Afirmou estar preparando o seu “time” baseado na “ética do povo e não na da política; sem essa história de troca de favores. Isso, porque temos o dever de passar o Brasil a limpo”.

Apoio à pré-candidatura de Bolsonaro

Nos últimos meses o Patriota51 anunciou o seu apoio incondicional ao pré-candidato Jair Bolsonaro. Segundo o presidente de Araraquara, o apoio se dá pela identificação com as propostas de Bolsonaro, como a questão do aborto e legalização da maconha, onde se posiciona contrário.

Representação da mulher

A presidente municipal do Patriota Mulher, Suzelaine Pedroni Rosa, que também representou Araraquara como delegada da 4ª Conferência Nacional de Políticas para Mulheres em Brasília, foi ouvida pelos presentes e ressaltou o seu posicionamento contrário sobre a questão do abordo e a liberação da maconha.

“Eu escolhi ser Patriota porque é um dos poucos partidos que não está envolvido em escândalos, como a Lava Jato. Além disso, me posiciono contrária a questões polêmicas que mudam toda a estrutura de uma sociedade, como é o caso do aborto e a legalização da maconha; eu também defendo a participação de mais mulheres na política. Por isso, estou no Patriota, porque é genuinamente um partido de direita e se importa com a vida, de fato, da nossa gente”, frisou Suzelaine.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade