Selecione a página

LM ganha licitação para prestar serviços na Câmara Municipal

Célia Pires De acordo com o presidente da Câmara Municipal, Jeferson Yashuda, o edital é bastante completo, pois nele não está contido somente a mão-de obra com os equipamento de proteção de cada servidor, mas também os produtos químicos e toda parte de reposição de papel à exceção do café e o chá que são […]

Empresa assumiu as atividades nessa segunda-feira (3)

Célia Pires

Durante dois dias, as últimas quinta e sexta-feira, alguns banheiros da Câmara Municipal não puderam ser utilizados por conta de uma empresa de São Paulo, a LM, vinculada ao Grupo Provac, que venceu o processo licitatório e foi a contratada para a prestação de serviços contínuos de: limpeza, asseio e conservação predial, copeiragem, recepção, reprografia,entre outros serviços do prédio do legislativo.

De acordo com o presidente da Câmara Municipal, Jeferson Yashuda, o edital é bastante completo, pois nele não está contido somente a mão-de obra com os equipamento de proteção de cada servidor, mas também os produtos químicos e toda parte de reposição de papel à exceção do café e o chá que são apartados.

Muitos dos funcionários que haviam sido dispensados estão de volta por conta do vínculo com a Provac. Eles estão felizes da vida, por recuperarem seus empregos.

Economia

Segundo Yashuda, a demanda de pessoas que vinham até a Câmara somente para beber café ou chá era muito grande. A ideia foi concentrar as bebidas em um só local de acesso. “Isso diminuiu o trânsito de pessoas que não tinham a intenção de buscar informação ou serviço dos vereadores. Com esse arranjo houve uma incrível diminuição no consumo desses itens por conta de descentralizar, ou seja, só na mudança de local”, disse Yashuda acrescentando que utilizaram a copa da Casa. “A mudança de local não significa que deixamos de assistir, ao contrário”.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade