Select Page

Edinho Silva estuda alternativa para mutuários do Yolanda



Proposta era Caixa encampar contratos de financiamento pela Cohab Bandeirantes

Célia Pires

Moradores do Yolanda Ópice procuraram a reportagem do jornal O Imparcial para que questionasse o deputado Edinho Silva sobre a questão da proposta feita por ele a Caixa Econômica Federal (CEF) sobre a encampação dos contratos de financiamento dos núcleos residenciais administrados pela Cohab Bandeirante, de Campinas.
A audiência pública realizada no dia 26 de junho de 2013 já completou um ano.
Em nota ao jornal, o deputado estadual Edinho Silva, respondeu que por diversas vezes, esteve reunido com diretores da Caixa Econômica Federal para buscar uma solução para os problemas dos mutuários dos núcleos Selmi Dei e Yolanda Ópice, administrados pela Cohab Bandeirante, em Araraquara. Com a apresentação de uma série de documentos, a CEF organizou um grupo de trabalho para avaliar o caso. Ele explica que a princípio, a sugestão era que a CEF incorporasse os contratos de financiamento administrados pela Cohab na cidade. Contudo, a solução é difícil uma vez que os recursos são oriundos do FGTS e são gerenciados pelo Conselho do Fundo. Ainda assim, o parlamentar e a instituição federal estudam uma alternativa para que mutuários – não só de Araraquara, mas do país, uma vez que há muitas situações semelhantes – não sejam injustiçados.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Publicidade

Arquivos