Select Page

Centro Dia para Pessoa com Deficiência é inaugurado



O investimento da Prefeitura na Apae, para o Centro Dia, será de cerca de R$ 700 mil por ano

Centro Dia para Pessoa com  Deficiência é inaugurado

Araraquara dá mais um passo para ser mais solidária e democrática. A afirmação foi feita pelo prefeito Edinho durante a inauguração do Centro Dia para a Pessoa com Deficiência “Professor Joaquim Ferreira Vieira”, uma parceria entre Prefeitura e Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), na manhã de sábado (13).
O novo serviço especializado, que fica anexo à sede da Apae, na Vila Xavier, atende reivindicação da população no Orçamento Participativo (OP) de 2017, dentro da plenária temática da Pessoa com Deficiência.
“As mães e os pais foram à plenária do OP, mobilizaram-se e mostraram a importância de Araraquara ter um Centro Dia público, bancado pela Prefeitura, para atender as crianças, jovens e adultos que vivem com deficiência mental. A imensa maioria das pessoas votou como prioridade o Centro Dia. Fizemos um chamamento público e a Apae apresentou o melhor projeto”, explicou o prefeito.
“Araraquara dá mais um passo para que nossa cidade seja, de fato, solidária e democrática, incluindo as pessoas com deficiência”, complementou Edinho. O investimento da Prefeitura na Apae, para o Centro Dia, será de cerca de R$ 700 mil por ano.
O prefeito ainda destacou a homenagem ao professor Joaquim Vieira. “Foi uma figura importante para a história de Araraquara e estamos eternizando o seu nome aqui”, disse.
O homenageado foi o primeiro diretor da Escola Estadual Narciso da Silva César, diretor substituto na Escola Estadual Bento de Abreu, delegado de ensino e presidente do Centro do Professorado Paulista, além de ser diretor da Apae e participar ativamente da entidade. Joaquim Ferreira Vieira morreu em 2005, aos 78 anos.
Presente no evento, a viúva de Joaquim, Therezinha Vieira, agradeceu a homenagem e desejou sucesso às novas atividades. “O Joaquim frequentava muito esta casa e acompanhava a dedicação de todos os funcionários. Quem Deus continue abençoando esta instituição”, declarou.

Atendimento
O Centro Dia atenderá pessoas com deficiência com algum grau de dependência, que tiveram ou têm as suas limitações agravadas pela convivência com situações de risco ou violação de direitos.
O local deve atender até 30 pessoas entre 18 e 59 anos de idade com deficiência intelectual encaminhadas pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), órgão da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social.
O espaço possui 350m² e conta com salas de assistência social, oficina de habilidades (básicas e sociais), oficina de relações, descanso, coordenação, recepção e banheiros.
A equipe é composta por 19 profissionais, entre coordenador geral, assistente social, psicólogo, terapeuta ocupacional, cuidadores e profissionais para funções administrativas, de limpeza e cozinha.

O OP funciona
Em sua fala, o vice-prefeito e secretário do Trabalho e do Desenvolvimento Econômico, Damiano Neto, destacou que “este evento mostra que o OP funciona e atende as demandas da população”. Mesma opinião da secretária de Planejamento e Participação Popular, Maria José Scárdua. “O OP é uma forma de gestão, uma oportunidade de construir com participação popular”, afirmou.
Adriana Biasiolo, diretora pedagógica da Apae, disse que o Centro Dia é “um programa de atendimento que irá construir qualidade de vida” do aluno e de sua família. Para Elisa Santos, assessora de Políticas para a Pessoa com Deficiência, a inauguração foi um dia muito especial, pois “todos passam a contar com serviços especializados e mais qualidade de vida”.
Representando a Câmara Municipal, o vereador Roger Mendes (Progressistas) elogiou a iniciativa da Prefeitura de organizar o OP e destacou as ações na área da Saúde e do atendimento a pessoas com deficiência. “Essa área é uma das que mais avançamos em Araraquara, contribuindo para a construção da sociedade que nós almejamos. Apesar das dificuldades, temos avançado muito”, declarou Roger.
Ainda participaram do evento os vereadores Paulo Landim (PT), Toninho do Mel (PT), Lucas Grecco (PSB), Edson Hel (PPS) e Elias Chediek (MDB); os secretários Teresa Telarolli (Cultura) e Priscila Luiz (Comunicação); a secretária interina de Assistência e Desenvolvimento Social, Maria Cecília Sambrano Vieira; o presidente do Conselho do Orçamento Participativo (COP), Henrique Rossetti; além de outros coordenadores e gestores, representantes da Apae e familiares do homenageado.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Publicidade

Arquivos