Selecione a página

Araraquara ocupa 9º lugar no ranking de exportação no Estado

Araraquara ocupa 9º lugar no  ranking de exportação no Estado

Uma combinação de baixo volume de importações com um aumento mensal de exportação conferiu à Araraquara o título de nona maior exportadora do Estado de São Paulo no primeiro trimestre de 2018, de acordo com o levantamento feito pelo Núcleo de Economia do Sindicato do Comércio Varejista de Araraquara (Sincomercio). Em escala nacional, a cidade se encontra na 38ª posição no ranking de exportadores no mesmo período.

Segundo dados da Secretária do Comércio Exterior e o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio  (SECEX/MIDIC), no primeiro trimestre deste ano as exportações cresceram 65,4%, aproximadamente US$ 301,5 milhões de dólares em comparação com o mesmo período do ano passado, assegurando uma participação de 1,9% no total estadual e marcando presença entre municípios de grande representatividade como São Paulo (1º), São Bernardo do Campo (3º) e São José dos Campos (5º).

As exportações são em grande parte baseadas em produtos de origem agrícola, com destaque para os sumos de fruta, que dominam a maior parte das operações, seguidos pelos óleos essenciais e matérias/desperdícios vegetais. Os açúcares de cana e beterraba e em menor escala as máquinas e aparelhos vêm em seguida.

Em uma visão geral das categorias exportadoras, a indústria alimentar e de bebidas lideram a maior parte, com quase 75% do total da pauta, seguidos de produtos de indústrias químicas com mais de 22% da parcela e máquinas e aparelhos elétricos, completando os três maiores grupos de exportação.

Para Délis Magalhães, economista do Sincomercio, esses resultados demonstram a força do comércio exterior de Araraquara e acompanham a evolução favorável da economia global, com a expansão das exportações brasileiras. “O resultado positivo traz boas perspectivas de aumento da renda, crescimento e manutenção dos níveis de emprego, principalmente no setor industrial, além da geração de um grande incentivo ao investimento em tecnologia nas indústrias locais e em outras atividades”, ressalta.

Últimos Vídeos

Carregando...

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade