Selecione a página

Morada do Rock: Próximo dia 8 no Teatro Wallace Leal

Seis bandas estão na programação que tem início às 19 horas; o ingresso é um quilo de alimento não perecível

Morada do Rock: Próximo dia 8 no Teatro Wallace Leal

Araraquara é mais uma vez a “Morada do Rock”! O Teatro Wallace Leal Valentin Rodrigues recebe, no sábado, 08 de junho, o projeto Morada do Rock que desta vez reunirá seis bandas para estremecer o Centro da cidade: é a edição Extreme Sessions! As apresentações terão início às 19 horas e a entrada é um quilo de alimento não perecível que será doado às instituições cadastradas no Fundo Social de Solidariedade.

O Morada do Rock vai apresentar o Intourior, projeto que realiza um tour coletivo com bandas de Araraquara – participam: Tessalonica, Os Capial, Toxic Death, Prey of Chaos e Damage Corporation. Além das bandas da Morada do Sol, também é convidada da programação a banda Desalmado. Vale destacar que o Intourior é uma iniciativa inédita na cidade e as bandas participantes já estiveram em diversas cidades do Estado de São Paulo.

Jorge Moura, organizador do evento, explica que o Morada do Rock sempre foi realizado dentro de uma linguagem específica do rock. “Desde 2014, apresentamos diversas linguagens, como: Classic Rock, tributos a grandes nomes e até uma edição Indie Rock. Já tivemos, inclusive, uma edição do extrema”, lembra. “Nesta volta agora, para o Centro e no Teatro Wallace, esperamos um bom público para prestigiar as bandas locais que tiveram essa ideia maravilhosa do Intourior. Além disso, também ofereceremos ao público o show do Desalmado”.

Os shows terão início com Damage Corporation, enquanto o encerramento fica por conta da convidada Desalmado. A ordem dos shows deste “recheio” será definida por sorteio, contando com Tessalonica, Os Capial, Toxic Death e Prey of Chaos.

Vale destacar que o evento contará com espaço externo com bar, área de alimentação e expositores. Morada do Rock é uma realização Rock Brothers, com apoio da Prefeitura de Araraquara, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Fundart. Também apoiam o Morada do Rock: Plex Rock Tour, Olhar Atravessado Estamparia e Bar do Barba.

O Teatro Wallace Leal Valentin Rodrigues está localizado na Av. Espanha, 485, no Centro de Araraquara.

Conheça as bandas participantes:

Damage Corporation – Buscando uma sonoridade branda e moderna, a Damage Corporation faz um som singular. Suas maiores influências são herdadas do Thrash Metal. Formada no ano de 2015, passou por mudanças em seu contingente, hoje composto pelo baterista e fundador Edson Rodrigo, Henrique Moraes no baixo e Raul Vieira na guitarra junto com Lucas Borba nos vocais. A banda apesar da influência, preza em fazer um Metal mais moderno, com hits cheios de alegorias metafóricas, que pendem para o lado sentimental somado de uma pegada caótica e uma presença de palco com um conjunto de riffs, que unem os graves do baixo junto do bumbo com uma distorção ímpar nas duas guitarras e uma expressividade em suas letras excepcional.

Desalmado – Na vanguarda da cena underground brasileira, a banda celebra 15 anos de estrada. Em 2018 a banda lançou o mais recente trabalho, “Save Us From Ourselves”, aclamado por público e crítica no Brasil e exterior, sendo escolhido por diversos veículos como um dos melhores discos do ano e rendeu uma turnê por Portugal e Espanha. Este ano, a banda continua a turnê e prepara material para um disco de músicas inéditas. Desalmado é: Caio Augusttus (vocal), Estevam Romera (guitarra), Bruno Teixeira (baixo) e Ricardo Nutzmann (bateria).

Os Capial – Formada no começo de 2014, a banda toca um grind/death. Tem no nome a homenagem ao trabalhador braçal do campo, porque o trabalho musical é igualmente pesado como um serviço braçal, além da homenagem às origens caipiras dos músicos. Apresentam temática, vestimentas, letras e falas voltadas ao mundo caipiresco. A banda se apresentou em alguns festivais e shows fora do estado de São Paulo, dividindo palco com alguns ícones da música extrema. Possui os CDs: “Nossa Grindroça Querida” (2015), “Grindiagem Deatherra” (2016), “Emboscada Caipira de Plasma” (2017) e “Chichá – Sterculea Foetida” (2018), além de nove vídeo clipes independentes. Os Capial são: Marcelo “Bento Chapéu de Paia Pereira”, na batucada (bateria), e Christiano “Dito Paieiro da Silva”, nos microfones e viola caipira (guitarra e vocal).

Prey of Chaos – A Prey of Chaos foi formada em março de 2008 com X (bateria), Fábio “Japa” (guitarra e vocal) e Danilo “Jarrão” (baixo). A primeira demo foi “Demo 2008”, depois vieram: “As Blood You Would Give for Your Faith?” (2009), “Lost Hope” (2012), “Kill Him!” (2013). Depois de encerrar as atividades em 2013, a banda retornou em 2016, quando lançou a compilação “Discography”. Para celebrar os 10 anos, o ano passado a banda lançou “2018”. Como proposta, no disco, a banda optou por fazer um grindcore mais cru e direto, diferentemente dos trabalhos anteriores, marcados pelas influências mais evidentes de hardcore, thrash e até mesmo death metal. Outra novidade é que as letras agora estão em português. Vale lembrar que este mês, o baterista X se desligou da banda, assumindo o posto o até então baixista Danilo “Jarrão”. Agora a banda segue em duo nas apresentações e produção de novos materiais.

Tessalonica – A banda de Araraquara foi formada em 1996 e traz uma linha do Hardcore ao metal, com letras de protesto contra o sistema, corrupção, abuso de poder, fascismo, discriminação, preconceito, ódio. Em 1998 lançou a primeira demotape (Bonecos de Pano) sucesso absoluto no cenário Punk Rock / Hardcore como banda independente. A banda retornou o trabalho em 2015 mantendo o estilo Hardcore, trazendo guitarras pesadas, bateria mais ousada e vocal mais agressivo, porém manteve os protestos em suas letras. A formação atual conta com: Marcel Giandoni (vocalista e líder), Flávio Ferreira (guitarrista), Álvaro Jophar (baixista) e Bell Soares (baterista).

Toxic Death – A banda formada em 2013 tem a proposta de fazer um Death Metal brutal e direto, com algumas influências de trash ’80. Com algumas mudanças em sua formação, a Toxic Death atualmente está em processo de finalização de do EP “O Gosto da Morte” e vem trabalhando em novas composições, como a mais atual: “Vaticano”.

 

SERVIÇO:
Morada do Rock – Extreme Sessions
Local: Teatro Wallace Leal Valentin Rodrigues (Av. Espanha, 485 – Centro)
Data: sábado (08 de junho)
Horário: 19 horas
Entrada solidária – 1 Kg de alimento não perecível (doado ao Fundo Social de Solidariedade)

 

 

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade