Select Page

Memória nos trilhos



Museu Ferroviário poderá ser visitado amanhã, com programação especial


Dando continuidade ao projeto que abre os museus da cidade aos domingos, a Secretaria Municipal da Cultura e Fundart convidam a população para prestigiar o Museu Ferroviário Francisco Aureliano de Araújo no dia 27 de outubro, das 10 às 14 horas. A entrada é gratuita.

A programação no domingo conta com a exibição do documentário “Memórias da EFA: os caminhos e descaminhos da Estrada de Ferro de Araraquara”, com direção de Marcelo Machado. O filme trata das memórias afetivas da Estrada de Ferro Araraquara, alma econômica e cultural da cidade durante o século XX.

Desdobramento do “Apito do Trem”, primeiro documentário de Machado sobre o tema, “Memórias da EFA” tenta por meio de uma viagem pelos trechos da antiga Estrada recontar um pouco de sua história.

Um jovem casal e seus filhos, que nunca andaram em um trem de passageiros, são os personagens dessa epopéia que leva de Araraquara até as barrancas do rio Paraná, destino lendário da Araraquarense.

Entre escombros, tristezas e surpresas um panorama dessa época é recontado e o percurso da EFA redescoberto.

Natural de Araraquara, Marcelo Machado teve sua trajetória profissional em São Paulo ligada a grandes nomes do cinema nacional, tais como Fernando Meireles e seu mais recente trabalho, o documentário Tropicália, foi sucesso de público e critica. As vinte primeiras pessoas que forem ao museu irão ganhar um DVD do documentário “Memórias da EFA”.

Os visitantes também podem observar, no saguão de entrada do Museu, um painel com dez fotografias em preto e branco e um pequeno texto que ilustram em diferentes épocas, aEstação Férrea de Araraquara, a Estrada de Ferro e os ferroviários.

Vale destacar que o Museu Ferroviário apresenta em suas salas de exposições mostras de diversos tipos de objetos, indo de ferramentas a material gráfico da Estrada de Ferro de Araraquara (EFA). São ferramentas das oficinas, objetos dos vagões (luminária, peças de lavatório, fechaduras de portas, ferramentas pesadas, lampiões, lanternas), além do material gráfico, com livros e cadernos da Cia. Paulista de Estrada de Ferro, com relatórios, lista de compras, estatutos, carteirinhas de ferroviários – entre outros.

O Museu Ferroviário, no saguão superior, conta com a Sala dos Ferroviários, Salão Principal e um auditório. Na Sala dos Ferroviários, com ante-sala, podem ser vistas fotos dos formandos da EFA, uniformes de ferroviários, além de uma foto gigante dos operários – com mais de 200 pessoas – na Oficina da EFA, em 1932, em Araraquara. Nesta sala também há uma TV que circula imagens da EFA e da Cia. Paulista.

No Salão Principal há um painel de 7,5 metros denominado “Linha do Tempo”. O visitante pode observar a história da ferrovia, década a década, de 1830 até os dias de hoje. Com material didático, a Linha do Tempo apresenta um panorama da ferrovia no mundo, no Brasil, e em Araraquara.

O objetivo do Museu Ferroviário é contribuir para que araraquarenses e turistas possam conhecer uma parte da história de Araraquara que, a exemplo de tantas outras cidades do Estado, cresceram e se desenvolveram com a chegada da ferrovia. Segundo Virgínia De Gobbi, gerente pedagógica cultural dos Museus da Secretaria Municipal da Cultura, as peças em exposição foram utilizadas entre os séculos XIX e XX e refletem uma época de grande importância para a história da ferrovia.

Em caráter experimental, a abertura dos museus aos domingos deverá ser analisada pela equipe da Secretaria Municipal da Cultura, a fim de colher uma análise sobre a frequência do público e do melhor horário para a visitação aos domingos.

Vale destacar que a abertura dos museus é rotativa, ou seja, cada domingo tem um dos museus abertos para a visitação gratuita, no horário das 10 às 14 horas. O projeto se iniciou com o Museu do Futebol e dos Esportes de Araraquara no último dia 20. Agora é a vez do Museu Ferroviário Francisco Aureliano de Araújo e, posteriormente, será o MAPA – Museu de Arqueologia e Paleontologia de Araraquara (dia 03 de novembro). É nesta mesma ordem que acontece a rotatividade nos domingos seguintes.

O Museu Ferroviário de Araraquara funciona de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas, com entrada gratuita. Mais informações: (16) 3332-3739.

SERVIÇO:

Museus aos domingos

Horário: das 10 às 14 horas

Entrada gratuita

  • Programação:

– Dia 27/10: Museu Ferroviário Francisco Aureliano de Araújo

(Rua Antônio Prado, s/nº – Centro)

– Dia 03/11: MAPA – Museu de Arqueologia e Paleontologia de Araraquara

(Rua Voluntários da Pátria, esquina com Av. Portugal – Centro)

– Dia 10/11: Museu do Futebol e dos Esportes de Araraquara

(Rua Mauro Pinheiro, s/nº, dentro do Estádio Municipal Dr. Adhemar Pereira de Barros, a “Arena da Fonte”)

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Publicidade

Arquivos