Selecione a página

Conceição Firbedo Ultramari, a fotógrafa do Carmo

Conceição Firbedo Ultramari é de uma época em que as pessoas colocavam as cadeiras nas calçadas e passavam longas horas batendo papo. A Avenida Sete de Setembro ainda era de terra quando chegou no bairro do Carmo. Acompanhou todo o crescimento do lugar e ainda acompanha, mesmo com alguma dificuldade. Nesse domingo, 5 de fevereiro, ela completou 97 anos de vida e de uma bonita história.
É uma pessoa cujas páginas de vida devem ficar registradas nesses duzentos anos de fundação de Araraquara, pois ela mesmo é pioneira, sendo uma das fotógrafas mais antigas da cidade. Profissão esta que exerceu de 1941 a 1982.
Nunca cobrou as fotos que tirava dos velhinhos que iam para o Asilo São Francisco. Imagina a bênção de poder viver das máquinas analógicas as da era digital, mas nunca mudar a essência que é viver com honra e simplicidade. Tanto que o maior presente de Conceição para sua família é a lição de que o mais importante é ter caráter e ser honesto.
Sua cidade do coração é Araraquara, mas natal é Guaxupé/MG, onde nasceu em 5 de fevereiro de 1920. Mudou-se no ano de 1941 para Araraquara, onde seu marido trabalhou no Foto Cantarelli e Foto Tucci e posteriormente em seu próprio foto, Foto Ultramari, na Av. São Paulo em frente à antiga Livraria Rodella e Conceição no Foto do Carmo na Av. 7 de Setembro, em frente da antiga Casa do OlienBiancardi.

Família
De seu casamento com o fotógrafo João Ultramari, sua família ficou assim composta: José Carlos Ultramari, Maria do Carmo Ultramari Buainain, Dr. João Luiz Ultramari e Márcia Ultramari. Noras: Josefa Barbieri Ultramari (falecida), Maria Theresinha Pereira Ultramari e Neide Aparecida Justino, Genro: Dr. Calil Buainain (falecido). Netos: José Henrique Ultramari (falecido), Vânia Cristina Ultramari Mendes casada com Advaldo Alves Mendes, Fabio Carlos Ultramari casado com Mariana Marin Ultramari, Calil Buainain Junior, casado com Carol; Cristiane Ultramari Buainain, Patricia Ultramari Buainain casada com Douglas Rogério Piqueira Moreno, Paula Ultramari Buainain, Ricardo Luiz Ultramari casado com Aline Cristina Gomes Figueira, Dra. Daniela Ultramari, Dra. Andréia Ultramari Melhado, casada com o Dr. Rogério Luis Melhado e Dra. Marina Freitas de Oliveira Ultramari. Bisnetos: Gabriel Ultramari Mendes, Mateus Ultramari Mendes, Beatriz Larine Buainain, Yasmin Desot Buainain, Isadora Desot Buainain, Ricardo Ultramari, Leonardo Ultramari Melhado, Cauã Buainain Moreno e Helena Ultramari.
O casal era incansável. Muita gente guarda recordações registradas por eles. Atuavam em dois endereços: João Ultramari ficava no Foto Ultramari na Avenida São Paulo, 361 – no centro, em frente à antiga Livraria Rodela e Conceição, no Foto do Carmo, na Avenida 7 de setembro, 1.182, próxima ao extinto Cine Coral.
João faleceu em 20 de julho de 1994. Foi homenageado pelo Prefeito Waldemar De Santi com a denominação do Dispositivo Viário João Ultramari, acesso ao Bairro Maria Luiza.
Conceição ainda guarda algumas coisas do passado, como as máquinas antigas e alguns painéis, mas as melhores fotos ficaram gravadas na memória do coração. Embora, por conta da idade, o tempo tenha desbotado algumas lembranças, o amor sempre foi uma ‘foto’ que se revelou.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade