Select Page

NO MEIO DA RAZÃO TINHA UMA BOLA.

Darcy Dantas

OS DIAS ATUAIS QUEM MANDA É O FUTEBOL…. É O
MUNDO DA BOLA….de futebol. Minha referência a faço
para nosso País, que enchem seus bolsos não só de
dinheiro, mas de falta de responsabilidade, de falta de
respeito ao cidadão.
Respeito aqueles que gostam, e esteja vibrando com esse
“acontecimento”…..mas…..
Me refiro a “bola” da atualidade, não a “bola” de
antigamente, a do futebol do passado. Lírico, romântico,
arte, onde o Sr. Garrincha com suas pernas tortas
desenhava desajeitado, cenas de balé, e fazia seus gols
artísticos . Já gostei de futebol…Onde um jovem de nome
Edson Arantes do Nascimento ainda possuía
simplicidade, fazendo com seus companheiros o
espetáculo , talvez um dos mais belos da terra. Hoje Pelé
é um decadente, por suas posturas diante da vida.
O que assistimos na atualidade é um fanatismo, onde o
que menos importa é a Pátria, o cidadão .
Em um País onde uma criança morre por falta de leite
especial, (falta de dinheiro), e um jogador é vendido ou
comprado por 200 , ou sei lá quantos milhões de dólares.
Há!!!!haverão de dizer…:O que tem o futebol com isso?
Muito. Minha referência aos dirigentes , alguns até presos
estão. Temos direito, a jogos desse chamado esporte,
mas não antes de colocar a casa em ordem e o sr, Gilmar
Mendes preso, pelo menos sua língua.

Quanto aos jogares são marionetes que ganham
milhões…Não tem culpa se quem manda não tem
responsabilidade.
O futebol hoje é negócio, não mais esporte , e o jogador ,
moeda de troca, sem o mínimo amor ao próximo, com
raras exceções.
Isso não é assistencialismo não…. E o povo, talvez
desejando colocar seus desesperos para fora, seus
anseios, seus receios, seus medos, suas neuras, berra e
briga por conta de uma gol. Seria bom se o País antes de
muitos gols…Uma Nação o fosse.
Reconheço que esse é o circo que restou para um povo
faminto, morrendo em corredores gelados, onde uma
criança faminta , não tenha o direito a um prato de
comida. Creio que o energúmeno que desejava afastá-lo
deve estar em casa gritando…Brasil..Brasil, qual idiota
sem poderes , mas com desejo de tê-los, como disse o
pensador .
Onde a segurança pífia, apesar do esforço que existe
entre os policiais de nosso País , onde 10 policiais tem
que trabalhar por 100, para um povo que tem direitos,
mas que esconde sua tristeza entre bandeiras e balões
como se estivessem em uma festa de arromba. Ganharão
4 milhões caso vençam a “copa” os “artistas” da bola Se
mais verbas fossem aplicadas na segurança que anda
caindo pelas beiradas, talvez essa menina que ontem
morreu, não tivesse morrido, e quantos mais.

Respeito para quem ainda acredita num futebol com
sabor de esporte. Não há segregação de minha parte, sim
tristeza.
É direito a escolha de cada um, mas aqueles que poderão
dar seus “pitácos” e dizer que falo de um tempo outro,
me perdoem…Falo do hoje, pois vivo no hoje.
E hoje com todo esforço não há subsídios para encontrar
tantas crianças perdidas, mas há para o delírio de um
povo sem rumo, por conta dos governantes.
E viva a vida, o bom senso de quem ama sua Pátria com o
coração, não com o fanatismo.
Um dia ainda teremos aquele futebol que traz alegria a
um povo triste.
Minha preocupação não está em ser coerente com
afirmações sobre acontecimentos, mas ser coerente com
a justiça e a verdade.
Bom dia

Últimos Vídeos

Loading...

Arquivos